A Dell começa hoje o Dia D, um dia em que duas das suas linhas de notebooks são agraciadas com alguns generosos descontos. São três modelos diferentes da linha XPS 15 e dois modelos da linha Inspiron 15R, todos com uma configuração decente, incluindo processadores Intel Core da segunda geração e ao menos 4GB de memória RAM, e um preço que varia entre R$ 1.999,00 a R$ 2.800.

Clique e confira as ofertas

O notebook que custa R$ 1.999,00 é o Inspiron 15R (foto acima) com Intel Core i5, 4 GB de RAM, placa de vídeo AMD Radeon com 512 MB de memória e HD de 500 GB. Já o modelo de R$ 2,8 mil (que recebeu o desconto de R$ 1 mil no preço) é o XPS 15 (foto abaixo) com Intel Core i7, 6 GB de RAM, placa NVidia GeForce com 1 GB de memória dedicada e HD de 750 GB. Pelo nome dos modelos você pode deduzir, mas é bom falar que todos eles usam uma tela de 15,6 polegadas, com tecnologias variando entre WLED na linha Inspiron 15R e LED na linha XPS 15.

Clique e confira as ofertas

Eu tenho um XPS 15 com Intel Core i5 e placa NVidia que comprei no ano passado e ele tem me atendido muito bem. Nos primeiros meses eu coloquei as configurações do notebook à teste, rodando tudo quanto é tipo de jogo que eu tinha disponível na minha conta do Steam. Ele não engasgou com Drive 3, Duke Nukem Forever (sim, eu comprei) e nem Just Cause 2, mesmo rodando nas configurações máximas. Mas atualmente não jogo tanto, até pela falta de tempo. E ainda assim não acho que a performance deve ter caído muito.

O que importa é que ao menos hoje você não pode usar a desculpa de que comprar um notebook bom está caro. Corre lá na loja da Dell e aproveite enquanto é tempo.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos Pigatto
Os melhores descontos para compras no site Dell você encontra em http://bit.do/promo-desconto-dell
@mos_axz
1° - Opiniões não estão ai para serem respeitadas, estão para que concordem ou discordem, apoiando com mais argumentos ou refutando. EU não respeito opiniões, respeito pessoas. 2° - Onde fui agressivo? Eu não vi agressividade nenhuma em meus comentarios. Respeito o direito de você poder ter a opinião que quiser, independente de concordar ou não, mas se eu não puder confrontá-la, de que adianta?
@luanagtx
Vocês leram que eu gosto do Tecnoblog? E que eu não gosto de publieditoriais? É uma opinião e um direito meu não gostar, ok? Não adianta apelar, assim vocês ficam parecendo puxa-sacos e eu não quero ser indelicada com ninguém aqui e espero ter a minha opinião respeitada. Acho que existem alternativas ao publieditoriais, mas cada blog escolhe a que mais lhe agrada, só não sou obrigada a concordar com algo que eu não acho legal só porque vocês pensam diferente de mim. Não comentarei mais nesse post, depois crio algo no fórum (ou não), pelo visto aqui o pessoal não tem maturidade suficiente para uma troca de argumentos sem parecerem agressivos.
@mos_axz
A questão é que eu não entendo essa parada de ludibriar. É uma propaganda, como qualquer uma, tende a mostrar o lado bom e ignorar o lado ruim. Eu acho uma forma de propaganda válida e leio os publieditoriais do Tecnoblog com prazer, porque as vezes aparece coisas legais por aqui...
Ramon Melo
Ou seja, você é a favor do conteúdo grátis e sem nenhuma contrapartida. Eu ia lhe sugerir comprar uma máquina do tempo e voltar para a Rússia comunista, mas nem lá isso existia. Eu sou a favor dos publieditoriais, mas acredito que os blogs devem manter o mesmo rigor editorial que adotam para os posts não-pagos. Nesse, por exemplo, acredito que o único erro foi dizer que os descontos eram ótimos, o que não é verdade. Mas o Mobilon já apareceu para explicar tudo (ou colocar a culpa no anunciante, dependendo da forma que você preferir).
Ramon Melo
Espero não ter também! hahahahaha Valeu pelo feedback!
Marcos Jahn
Eu comprei um VPC-EB17FB/B, em agosto de 2010, e até agora não tive problemas!
@luanagtx
Parto do princípio de que o conhecimento deve estar ao alcance de todos, muita gente ainda lê (acredite!) e não sabe do que se trata um publieditorial. Em nenhum momento julguei a maneira de obtenção de lucros do @tecnoblog, até porque o fato de terem aprovado meu comentário me fez enxergar uma luz no fim do túnel. Não concordo com posts publieditoriais, porém gosto do Tecnoblog. Espero que todos os outros posts de qualidade se sobressaiam aos que visam apenas lucros, pois eu estaria disposta inclusive a colaborar de outras maneiras (até mesmo financeiras), mas que não fossem ludibriando leitores com conteúdos comprados. Enfim, foi só uma maneira de quem sabe proporcionar algum esclarecimento aos leitores e, de repente, alertar que nem tudo o que é pago é vantajoso. Existe uma credibilidade que foi construída e não pode simplesmente ser desprezada.
@mos_axz
" Nessa intenção de lesar o cidadão, não está apenas o anunciante ( ou a agência que o representa), mas também o veículo, que se dispõe a ceder a "sua cara" para que o anunciante (que o remunera) se aproprie do seu leitor. Logo, trata-se de um crime duplo, um complô comercial que agride a cidadania e a independência editorial dos meios de comunicação." Esse escritor desse texto falou sério? Se você disponibiliza um conteudo gratuito e entre esse conteudo existe um conteudo publicitário que você pode não ler se quiser, ninguém foi lesado. E não houve crime nenhum. Ninguém te obriga a ler o tecnoblog, muito menos a ler o publieditorial. Em momento nenhum eles colocam a própria palavra falando no descontos absurdos. Eles falam em desconto e como as maquinas são boas, coisas que são verdade. Qualquer pessoa que goste do trabalho do tecnoblog não se importa de ter publis, porque eles sustentam o site.
Thássius Veloso
Luana, seu comentário passou por moderação e está aprovado. No entanto, esse assunto não é pertinente ao conteúdo do artigo. Na próxima vez prefira publicar esse tipo de coisa no fórum do Tecnoblog, ok?
Ramon Melo
Eu discordo. Mobilon & cia. vivem dizendo que os publieditoriais são matérias como quaisquer outras e não é bem isso que a gente vê. O texto é fiel em relação ao XPS 15 (já usei um e é até melhor do que o Rafael Silva descreveu), mas não em relação aos "generosos descontos". De qualquer forma, ele está certo em apontar esse erro. Quem quer se dar bem nesse meio precisa saber lidar com as críticas, é o que se espera de um blog, afinal.
Ramon Melo
Comprou qual? Estou de olho num SB25FBB, queria a opinião de alguém que tivesse um...
@luanagtx
Gostaria de deixar aqui uma matéria a respeito do assunto, apenas para que todos possam refletir e entender como funcionam as opiniões publieditoriais. Lógico que cada blog tem a liberdade para escolher a melhor forma de monetização, mas os leitores também tem o direito não apenas de saber que ali existe um aviso de publicidade, mas o significado e as consequências desta prática. Publieditorial, a estratégia que afronta a ética http://bit.ly/wu34XG
Ramon Melo
A resolução não aumenta o espaço disponível de tela (ao contrário, torna tudo menor) e um teclado full size ABNT tem 35cm de largura e não caberia no MB Air de 11" nem se a Apple fizesse mágica. Você até pode acreditar no marketing, se quiser, mas no dia que você experimentar um notebook realmente confortável (como um ThinkPad), vai ver a diferença que isso faz.
Scott
Ótima atitude, Mobilon. Aliás, parabéns pelo ótimo trabalho. Vejo que vocês sempre estão atentos ao feedback dos publieditoriais, ao contrário de outros blogs por aí que não se importam com isso. Assim, realmente existia desconto nos valores anunciados, mas com certeza passava longe dos R$ 1.000 anunciados. Eu digo isso porque esses produtos sempre estão em promoção, dá pra entrar qualquer dia no site que estará lá como "oferta do dia". Isso é, no mínimo, estranho. Hoje eu ainda não recebi nenhum email da Dell anunciando ofertas do XPS 15, então, devo supor que o valor no site não tenha nenhum desconto especial, certo? A mesma configuração que citei ali em cima agora aparece no site como "de R$ 3.798 por R$ 3.098". Lembrando: eles não anunciaram desconto hoje. O preço desse aparelho fica sempre nessa faixa mesmo, faz tempo que não fica mais caro que isso, então acredito que posso considerar ele como o valor "real" do aparelho (não aquele valor absurdo de quase R$ 3.800 que a Dell coloca como preço anterior). Sendo assim, considero que o desconto real fique sempre em uns R$ 100, R$ 200, ou como aconteceu ontem, de R$ 300. Eu comprei meu XPS 15 na metade do ano passado e naquela época já tinha esses descontos de 700-800 reais, mas desde então a Dell já fez um punhado de pequenas atualizações na linha (processadores melhores, mais RAM, HD maior...) sem alterar muito o preço dos produtos e por isso não posso comparar as ofertas atuais com a minha compra. Só acho chato a Dell anunciar R$ 1.000 de desconto quando, na realidade, o produto está sempre com "desconto" de cerca de R$ 700.
Exibir mais comentários