A Samsung também está presente no MWC 2012 e além de apresentar alguns novos modelos de tablets e smartphones com os tradicionais formatos que já esperávamos, a sul-coreana dos eletrônicos mostrou uma ideia original no campo dos Androids, antes até da sua coletiva oficial no domingo. Chamado de Galaxy Beam, esse modelo de celular é o primeiro aparelho da empresa a vir com um projetor embutido.

Medindo 12,55mm de espessura, o projetor desse novo Android é de 15 lúmens e tem capacidade para mostrar imagens em até 1,27 metros de comprimento. Além disso, o Galaxy Beam (que eu tenho que que controlar para não escrever Galaxy Mr. Bean) tem uma tela de 4 polegadas com 800 x 480 pixels de resolução, processador dual-core de 1 GHz, 768 MB de memória RAM, 8 GB de armazenamento interno, câmera de 5 megapixels traseira e 1,3 megapixels frontal. Para aguentar esse projetor a bateria do aparelho é de 2000 mAh. Se é o suficiente, eu tenho minhas dúvidas. Mas saberemos quando ele for lançado.

A ideia da Samsung com esse aparelho parece ser facilitar o compartilhamento de fotos e vídeos sem a necessidade de configurar complicadas conexões com TVs, seja por cabo ou via WiFi com o DLNA. Ou até mesmo sem depender delas – basta ter uma superfície plana. O Beam vem com um aplicativo dedicado para o projetor e roda o Android 2.3 e não sabemos se a Samsung já planeja uma atualização para a versão 4.0 do sistema ainda.

O Galaxy Beam ainda não tem uma data prevista de lançamento, nem os países em que ele vai estar disponível e nem o preço. Mas por ser um Android diferente dos demais, não espero que ele custe muito barato ou que seja vendido em todos os países em que a Samsung está presente. Espero estar errado.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Iana Melo
Eu amo o meu Beam!!
Tiago Paiva
eu tenho um e ele vm com duas baterias e um carregador "universal" q ajuda pra caramba
Aristófanes Gumbe
grande fone
Brand.Tec.Corp.
Otimo aparelho é tudo o que eu esperava bateria com videos projetados direto são 3 horas continuas cada bateria ta otimo vem 2 baterias e um carregador externo que pode carregar a bateria que descarregou enquanto você projeta outro video é conectar o cabo usb com carregador de viagem padrão na tomada todos seguimento black piano nos conectores do cabo e no carregador na base os fazendo parecer baseado em Apple mas na cor preta. O aparelho é rapido agir em tudo jogos aplicativos gostei odiava a samsung por ter me deixado mais de 30 dias sem meu corby na asistencia mas resolvi me ariscar novamente, neste aparelho ela se superou nunca travou em nada.... já o tenho faz 3 semanas....
Agrario
Rapá , sou prof. e estou esperando isso a tempos, kd que dia chega quero o meu logo...
kelly
José Neto não é sem sentido não, sou professora e meu sonho de consumo é um celular desse, daí mesmo com a saida HDMI como vc diz, eu não teria que carregar kilos e kilos de equipamentos fios e uma tralha louca só pra projetar as aulas e só quem passa por isso sabe o que é...só queria saber se ele vai rodar o office porque dependo do power point...
felipe
já chego no brasil
sergio
Uma ideia interessante p/ os artistas que pintam à óleo sobre tela também. Projetamos a imagem sobre a tela e vamos riscando o desenho. Quando vou pintar uma tela uso o carbono, pantógrafo ou o velho quadradinho. Gostei da ideia.
@profsolhorti
Nossa que máximo, adorei esse celular. Olha pra mim ajuda muito, dou aulas, esse celular resolve dois problemas, um do projetor em sala de aula e outro do acesso a net. CARA demais, só tem um problema para uma sala iluminada com luz natural seria necessário uns 2000 lumens. Será que é possível um aparelho portátil com essa quantidade de lumens? Alguém sabe me responder?
@LBKatan
Tô ligado, Yangm. =)
Yangm
Nem sempre dão diretios de Admin no trabalho. #Fikadika
@LBKatan
Sério, atualize-o. Pegue logo o 10. =P
William
Nossa, verdade!!! Imagina que louco!!!! Cara, vende essa ideia pra Samsung, aposto que vai ganhar vários reais!!!!!! pqp.
@Dan_jacques
1100 sim. To com um no meu bolso. Tem 7 anos. Se houver um hecatombe nuclear vai sobrar as baratas e esse celular
Vithor
Sabe o que (pode) ser legal, se o projetor transformasse qualquer superfície em uma espécie de tablet. Mas seria necessário muitos mais sensores, e uma bateria melhor que essa!
Exibir mais comentários