Arquivo Brasil

Nokia anuncia preço do Lumia 900 e mostra detalhes do 808 PureView

R$ 1.799 pelo celular com Windows Phone e visor de 4,3 polegadas.

Thássius Veloso
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Direto de São Paulo — A Nokia reuniu membros da mídia para apresentar os aparelhos Lumia 900 e 808 PureView. Foi a primeira vez que a companhia confirmou o preço sugerido do Lumia com visor de 4,3 polegadas: R$ 1.799 nas revendas e no site de vendas do fabricantes. Os dois produtos já estão nas lojas para o consumidor interessado em um smartphone com Windows Phone ou num celular rodando Symbian com câmera de 41 megapixels.

Quem participou do evento foi Stefan Pannenbecker, VP global de design que veio de Londres especificamente para este fim. O executivo explicou que a linha atual de Lumias provém do design obtido inicialmente com o agora falecido Nokia N9 (confirmamos que o celular com MeeGo não faz parte da linha atual de produtos). Entre outros aspectos dos Lumias, ele comentou sobre um ponto interessante: preferiu-se o policarbonato para o corpo dos celulares em vez de metal porque, uma vez que usassem uma peça metálica com antena dentro, poderia diminuir a capacidade de comunicação de voz e de dados.

O Lumia 900 foi posicionado como um produto topo de linha, destinado aos consumidores de classes econômicas A/B com idade entre 18 e 36 anos que se interessam por tecnologia. Primeiro ele chega às lojas da Fnac e Fast Shop, bem como na loja online da Nokia, para mais tarde desembarcar nas lojas da Claro e Vivo. Tem em duas cores: preta e azul.

Não muito diferente em termos de público-alvo, o 808 PureView tem especial apelo para os amantes da fotografia porque oferece uma câmera com lente poderosa e algoritmos para processamento de imagem exclusivos da Nokia em parceria com a Carl Zeiss, fabricante de lentes. A Nokia havia anunciado na semana passada que o celular custaria R$ 1.999 no varejo — sem operadora envolvida nessa venda.

Por que comprar o Lumia 900?

O gerente de produtos e portfólio Vinícius Costa respondeu à pergunta que não quer calar: por que comprar um Lumia 900 agora, com Windows Phone 7.x, em vez de esperar por algum lançamento que deve acontecer nas próximas semanas?

De acordo com Vinícius, existe um tipo de consumidor para cada um dos aparelhos. Esse consumidor sabe do que necessita nesse momento, como uma experiência de uso mais intuitiva (Windows Phone) ou uma câmera fotográfica poderosa (PureView). A linha atual de produtos da Nokia, diz ele, supre tais necessidades. “Entregamos uma experiência que não depende de um aparelho que ainda está por vir.” Outra executiva da Nokia complementou a resposta dizendo que a maioria dos consumidores não é entusiasta da tecnologia, e que, devido a isso, não acompanha com tanta frequência as notícias sobre os possíveis lançamentos da Nokia e da Microsoft em termos de plataforma móvel.

De qualquer forma, é importante dizer que o Lumia 900 vem de fábrica com recursos exclusivos, como o Nokia Dirigir que permite usar o GPS com mapas baixados previamente, e a loja de músicas da fabricante, a Nokia Music. O modelo inclui capacidade de transmissão de dados no que chamamos de HSPA+, com suporte a até 42 Mbps de velocidade de conexão.

808 PureView para os amantes de fotografia

Modo de sensor: PureView ou resolução máxima (foto: Thássius Veloso / Tecnoblog)

Modo de sensor: PureView ou resolução máxima

O 808 PureView passou por demonstração durante o evento. Sobre ele foi explicado que o aplicativo de câmera permite escolher entre fazer a foto em 5 megapixels ou numa resolução maior (com proporção de 4:3 ou 16:9) para depois sofrer o oversampling. Vinícius Costa me disse que as fotos em tamanho grande permanecem no aparelho para consulta posterior. No entanto, o usuário tem sempre que recortar a foto e determinar o zoom antes de gerar uma imagem menor que será compartilhada com os amigos via email ou mesmo redes sociais.

E por que não colocar a tecnologia do PureView num celular com Windows Phone? A Nokia diz que pretende fazer isso no futuro. Porém, os trabalhos em torno do Nokia 808 estavam avançados quando, no ano passado, a companhia anunciou o acordo com a Microsoft. O executivo de produtos afirma que a tecnologia do PureView ficou em desenvolvimento por cinco anos antes de chegar ao público consumidor.

Thássius Veloso

Ex-editor-executivo

Thássius Veloso foi editor e editor-executivo do Tecnoblog de 2008 a 2014. Liderou o noticiário e cobriu de perto os maiores acontecimentos do mercado de eletrônicos de consumo, games e serviços. É jornalista, palestrante e apresentador de tecnologia na rádio CBN e no canal de TV por assinatura GloboNews.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque