Arquivo Internet

Facebook e seis empresas de tecnologia querem levar internet para as 5 bilhões de pessoas que ainda não estão conectadas

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Facebook anunciou ontem o Internet.org, uma iniciativa com o objetivo de levar o acesso à internet para as 5 bilhões de pessoas que ainda não estão conectadas, o que equivale a dois terços da população mundial. Além do Facebook, seis empresas de tecnologia estão envolvidas no projeto: Ericsson, MediaTek, Nokia, Opera, Qualcomm e Samsung.

Para acelerar o crescimento da adoção da internet no mundo, que hoje está em 9% ao ano, o grupo de empresas pretende investir em tecnologias que tornem a conexão com a internet mais acessível. Com isso, fabricantes de hardware devem se esforçar para criar smartphones mais baratos, e as operadoras terão um papel importante para diminuir os custos.

Como muitos lugares ainda não possuem conexões rápidas, haverá esforços para desenvolver técnicas de compressão de dados, algo que algumas empresas já fazem. A Opera, por exemplo, tem o modo Turbo no Opera Mini: a página é processada pelos servidores da norueguesa e chegam ao usuário comprimidas em até 90%. O Facebook diz estar trabalhando para diminuir o uso diário de dados do aplicativo para Android de 12 MB para apenas 1 MB.

É claro que as empresas envolvidas com o Internet.org se beneficiarão no futuro, considerando que mais usuários normalmente significa mais dinheiro. De qualquer forma, o grupo cita um relatório do Conselho de Direitos Humanos da ONU, afirmando que a “internet impulsiona o desenvolvimento político, social e econômico e contribui para o progresso da humanidade como um todo”. Outras empresas criaram projetos semelhantes: com o Project Loon, o Google quer cobrir o mundo com internet através de balões.

Todas as informações sobre o Internet.org estão disponíveis na página oficial. Você pode acompanhar o projeto de perto nos perfis do Facebook, Twitter e Google+.

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque