Arquivo Legislação

Usuários usam fotos de Eric Schmidt no Google+ para protestar contra os novos termos de uso do Google

Emerson Alecrim
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Era de se esperar que protestos contra os novos termos de uso do Google (ToS, na sigla em inglês) anunciados na semana passada não demorassem a aparecer. A surpresa é que alguns usuários encontraram uma forma “engraçadinha” de fazer isso: trocaram a imagem de seu perfil no Google+ por uma foto de Eric Schmidt, o chairman da companhia.

Os novos termos dão permissão ao Google de utilizar nome, foto e algum comentário do usuário em anúncios a serem exibidos somente para os seus contatos. A ideia é fazer com que estas informações sejam usadas para aumentar o interesse pelos anúncios: um banner tende a se tornar mais interessante para uma pessoa se o produto anunciado contiver a avaliação de um conhecido.

Exemplo de anúncios com dados de usuários

Exemplo de anúncios com dados de usuários

A intenção do protesto é quebrar, mais de maneira provocativa do que prática, a eficiência desta ideia: em vez de visualizar a foto de um amigo em um anúncio que tira proveito desta funcionalidade, a pessoa verá a cara de Eric Schmidt. Dá para encontrar a maioria dos perfis que aderiram ao protesto procurando pela tag #EricSchmidt no Google+.

Protestos contra o novo ToS no Google+

Protestos contra o novo ToS no Google+

Apesar do teor sarcástico dos protestos ou da possibilidade destes, na verdade, chamarem atenção para o tratamento que o Google dá para questões de privacidade como um todo, é importante ressaltar que os usuários não são obrigados a concordar com os novos termos.

Quem quiser garantir que suas informações não sejam usadas em anúncios deve acessar esta página do Google+, desmarcar a opção “Com base em minhas atividades, o Google poderá exibir meu nome e minha foto de perfil em recomendações compartilhadas em anúncios” e clicar em “Salvar”.

Com informações: CNET

Emerson Alecrim

Autor / repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais, negócios e transportes. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém um site chamado InfoWester.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque