Arquivo Jogos

Filme de Legend Of Zelda será interativo (se algum dia existir)

Giovana Penatti
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Filmes baseados em games nem sempre são bem sucedidos no quesito agradar fãs dos jogos – para não dizer que raramente o fazem. Quando se trata de um título clássico, então, as coisas ficam ainda mais sensíveis.

A Nintendo provavelmente aprendeu isso da maneira mais difícil com aquele filme do Mario dos anos 90 e pararam ali mesmo as adaptações de seus jogos para o cinema.

No entanto, já faz algum tempo que há uma tensão quanto a um filme de Legend Of Zelda – neste ano, foi divulgada uma animação linda com ares de Pixar que serviu como amostra para um possível longa baseado no jogo em 2007 (graças a Deus, nada de live-action).

Eiji Aonuma, responsável por Zelda na Nintendo, falou com o Kotaku sobre a possibilidade de algum dia vermos um filme da franquia. Não houve nem um sim, nem um não, mas a certeza de que, se ele for feito, será preciso ter um device a mais para aproveitá-lo.

“O que seria mais  importante para nós é poder brincar com o formato de um filme, fazê-lo mais interativo, como se pudesse levar seu 3DS ao cinema e isso fazer com que você participasse. […] Iríamos querer, de alguma forma, mudar o que é um filme”, revelou, afirmando que já falou sobre essa ideia com Shigeru Miyamoto.

Recentemente, a Disney experimentou algo do tipo com o filme A Pequena Sereia e um app para iPad que permitia ao público jogar e cantar junto com as músicas do filme, entre outras funções – o que deve atrapalhar bastante o curso do filme, mas, por outro lado, todo mundo já viu A Pequena Sereia. Já um filme de Zelda seria uma novidade completa, então essa interatividade precisaria ser muito bem pensada para não arruinar a experiência.

Em todo caso, é algo que está no mundo das ideias ainda e talvez nem chegue a ser concretizado. Mas já é melhor que nenhuma notícia.

Giovana Penatti

Ex-editora

Giovana Penatti é jornalista formada pela Unesp e foi editora no Tecnoblog entre 2013 e 2014. Escreveu sobre inovação, produtos, crowdfunding e cobriu eventos nacionais e internacionais. Em 2009, foi vencedora do prêmio Rumos do Jornalismo Cultural, do Itaú. É especialista em marketing de conteúdo e comunicação corporativa.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque