Arquivo Carro

Renault exibe o primeiro carro oficial da Fórmula E na CES 2014

Categoria é considerada a "Fórmula 1 dos carros elétricos"

Emerson Alecrim
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A primeira temporada da Fórmula E tem início em setembro deste ano. Dada a relativa proximidade, a Renault aproveitou a CES 2014 para apresentar o primeiro veículo oficial da categoria: o Spark-Renault SRT_01E. Como não poderia deixar de ser, o carro é 100% elétrico.

Spark-Renault SRT_01E

O desenvolvimento do monoposto conta com a participação de várias empresas. O câmbio vem da McLaren, por exemplo. Os sistemas de gerenciamento e baterias, por sua vez, foram fornecidos pela Williams. O envolvimento de equipes de Fórmula 1 não é mera coincidência: nunca é tarde para lembrar que a Fórmula E é uma categoria da FIA, que rege a primeira.

Não foi possível fazer testes detalhados na CES para comprovar, mas a Renault garante que o carro atende às previsões iniciais: pode alcançar velocidade de até 225 km/h e acelerar de 0 a 100 km/h em três segundos, acabando de vez com a noção de que carros elétricos não apresentam grande desempenho.

Na demonstração feita no evento pelo brasileiro Lucas di Grassi (que tem participado dos testes da categoria desde o início do projeto), dá para notar que o Spark-Renault consegue mesmo ser quase tão “agressivo” quanto um carro de Fórmula 1, a despeito do barulho de seu motor lembrar um carrinho de controle remoto:

É claro que tamanha desenvoltura tem um preço: cada carga completa das baterias não deve proporcionar mais do que 25 minutos de autonomia. Por esta razão, os pilotos terão dois carros à sua disposição nas primeiras temporadas – enquanto um é recarregado, o outro vai para a pista.

Felizmente, alternativas já estão sendo pesquisadas. A Qualcomm, por exemplo, que é uma das principais patrocinadoras da categoria, quer desenvolver um sistema de recarga sem fio capaz de fazê-lo mesmo com o veículo em movimento.

Na CES, di Grassi revelou outra peculiaridade do Spark-Renault: o veículo dispensa troca manual de marchas, por outro lado, o acelerador é bastante sensível em relação às categorias tradicionais, exigindo maior atenção dos pilotos.

A Fórmula E contará com dez equipes – uma delas “apadrinhada” por Leonardo DiCaprio – e terá a sua prova inaugural em Pequim. A FIA já confirmou a realização de uma etapa no Rio de Janeiro para 15 de novembro.

Com informações: The Verge

Emerson Alecrim

Autor / repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais, negócios e transportes. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém um site chamado InfoWester.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque