Arquivo Jogos

O reboot em HD de Outcast, clássico dos jogos para PC, precisa da sua ajuda no Kickstarter

Giovana Penatti
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Em 1999, Outcast, jogo de ação/aventura com mundo aberto foi lançado para PC. Nele, você controlava Cutter Slade, um soldado da marinha americana que é levado junto com três cientistas para Adelpha, uma espécie de Terra paralela, para salvar a Terra que habitamos.

Na época de lançamento, foi muito elogiado pela imprensa especializada e trazia inovações tanto no gameplay quanto nos gráficos, mas acabou sendo meio esquecido nos anos que seguiram. Uma sequência até chegou a ser pensada, mas foi cancelada quando o estúdio responsável por seu desenvolvimento, Appeal, foi à falência.

Em julho do ano passado, os criadores do jogo, Yann Robert, Franck Sauer e Yves Grolet, readquiriram os direitos que estavam com a Atari e desde então prometem que farão um novo Outcast. Chegou a hora: o jogo pode sair, desde que consiga o financiamento mínimo no Kickstarter.

A promessa não é de uma continuação, mas de um remake do título em HD. Ao atingir a meta de 600 mil dólares, a equipe se compromete em desenvolver o jogo do zero, criando todos os cenários, objetos e personagens do zero, com resolução de 1080p e 60 frames por segundo, além de reconstruir as animações do protagonista, controles, posições de câmera e tudo o mais.

Eles liberaram um screenshot para ter uma ideia de como vai ficar. Esse é o original:

b7013cae857da7a8cdf74c7b0f0513c9_large

E esse, um protótipo que ainda não está finalizado (ou seja, a versão comercial será melhor que esse screenshot):

f20712ecf657c24ee4eb53def3b3608c_large

Não se trata de uma continuação, mas um reboot do jogo. É a mesma história, com gráficos e mecânicas atualizados. Os criadores explicam que, para fazer uma sequência, as expectativas seriam tão altas que seria impossível financiá-lo agora. A ideia é pedir ajuda dos fãs de Outcast para esse primeiro jogo, com a expectativa que ele traga novos fãs para a comunidade. Então, depois do lançamento do reboot, se houver interesse, pode ser que uma continuação seja feita.

O primeiro stretch goal é de 750 mil dólares e levará o jogo também para Mac e Linux, além de melhorar as animações de todos os personagens e trazer uma nova missão. Com 950 mil dólares arrecadados, o jogo ganha suporte a DirectX 11 e grandes melhorias gráficas. Os próximos stretch goals prometem compatibilidade com óculos de realidade virtual e o jogo na oitava geração de consoles.

O financiamento vai até o dia 7 de maio e, a partir de 20 dólares, já é possível obter uma cópia digital dele.

Giovana Penatti

Ex-editora

Giovana Penatti é jornalista formada pela Unesp e foi editora no Tecnoblog entre 2013 e 2014. Escreveu sobre inovação, produtos, crowdfunding e cobriu eventos nacionais e internacionais. Em 2009, foi vencedora do prêmio Rumos do Jornalismo Cultural, do Itaú. É especialista em marketing de conteúdo e comunicação corporativa.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque