Console brasileiro Zeebo pode ser descontinuado

Rafael Silva
Por

Você provavelmente não já deve ter ouvido falar do Zeebo, o console brasileiro criado de uma parceria entre a fabricante de chips Qualcomm e a TecToy. Ele foi lançado em 29 de maio de 2009 e seguia um modelo intrigante de venda de jogos, usando a rede 3G embutida no console. Hoje, porém, dois dias antes de completar dois anos no mercado, uma multidão de seis pessoas chorou com a notícia de que o console pode ser descontinuado.

Segundo o que disse um funcionário da ZIS (empresa responsável pelo Zeebo) ao UOL Jogos, a Qualcomm encerrou a parceria que tinha com a TecToy essa semana e não vai mais investir um centavo do dinheiro próprio. Como a Qualcomm era uma grande investidora da ZIS, que não só é responsável por fabricar o hardware como também responsável por desenvolver os games, corre o risco de ser fechada.

O funcionário não-identificado ainda disse que um dos motivos pelo qual a quebra da parceria ocorreu foi porque a plataforma de desenvolvimento de jogos do Zeebo era pesada demais e o chip da Qualcomm não aguentava o tranco. Quando a ZIS decidiu mudar pra a plataforma Android, a empresa de chips teria perdido o o interesse.

Se a notícia for confirmada, descanse em paz Zeebo, o único console genuinamente brasileiro que nunca conseguiu um lugar direito no mercado mas pode ter falecido tentando. E aos funcionários da ZIS que perderam seus empregos, nossa solidariedade.

Além do Brasil, aliás, ele também é vendido no mercado mexicano e chinês. Se você encontrar algum nas prateleiras, compre. Ele corre o risco de se tornar um item de museu no futuro.

Com informações: UOL Jogos.

Relacionados

Relacionados