Arquivo Gadgets

Fabricantes concordam em criar padrão para óculos 3D ativos

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Eis um aspecto que sempre foi debatido quando falamos de óculos 3D ativos: a falta de padronização. Isso quer dizer que você não pode, por exemplo, usar óculos de uma fabricante com a TV de outra, já que eles não são compatíveis ou não funcionam na mesma frequência. Esses dias de incompatibilidade estão para acabar, pelo menos entre TVs 3D da Sony, Samsung e Panasonic.

Gandalf aprova uma padronização

A ideia, chamada de “Full HD 3D Glasses Initiative“, é mesmo tentar diminuir a dor de cabeça dos consumidores na hora de comprar óculos 3D. Uma quarta empresa, chamada Xpand 3D, será a responsável por criar a padronização. Eles planejam fazer com que os óculos funcionem numa mesma frequência de rádio não só com TVs mas com toda a sorte de equipamentos eletrônicos com capacidade 3D, como computadores e projetores.

O objetivo das empresas é começar a fabricar esses óculos já em setembro desse ano, para venda no começo de 2012. Ah e não, o padrão provavelmente não vai servir para as TVs 3D dessas fabricantes disponíveis no mercado agora. Se você já comprou uma… bom, já esperava pagar o preço de ser early adopter, certo?

Atualização às 15:21 | O artigo informava erroneamente que os óculos estariam disponíveis no mercado em setembro, mas essa é a previsão do início da produção deles. O texto foi alterado para refletir essas informações.

Com informações: Pocket-lint.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque