Arquivo Aplicativos e Software

Microsoft patenteia método de detectar idade (e restringir conteúdo) com Kinect

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Sabemos que no mundo da tecnologia o registro de uma patente nem sempre indica que aquele método ou produto patenteado vai aparecer no mercado ou ser usado. Ainda assim, podemos divagar sobre a possibilidade de vermos tais tecnologias aparecendo e o que elas trariam de vantagem. Hoje, por exemplo, uma patente da Microsoft foi revelada e ela que tem altas chances de ser lançada como uma funcionalidade para ajudar pais de crianças a controlarem o que seus filhos podem ver na TV. E automaticamente.

A patente revelada essa semana mostra que a empresa criou um método de detecção de idade que usa câmeras 3D, possivelmente até a do Kinect. Por meio desse método seria possível estimar quantos anos uma pessoa tem usando proporções de membros do corpo, altura, distância entre ombros, tamanho da cabeça, e outras características, algo que o próprio Kinect já é capaz de fazer por contar um ótimo sistema de rastreamento de articulações. E partir dessa detecção partiriam outras funcionalidades, sendo a mais específica a restrição de conteúdo adulto na TV, caso o Kinect detectasse uma pessoa com menos de 18 anos por exemplo.

Certamente existe a possibilidade de acontecerem falsos-positivos, como no caso de pessoas adultas com nanismo, mas com uma senha de administrador seria possível desbloquear o conteúdo como já acontece atualmente. Esse novo método só colocaria mais uma barreira de proteção para aqueles adolescentes mais espertos que já sabem como driblar a restrição por senha.

Com informações: GeekWire.

Rafael Silva

Ex-autor

Rafael Silva estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Como redator, produziu textos sobre smartphones, games, notícias e tecnologia, além de participar dos primeiros podcasts do Tecnoblog. Foi redator no B9 e atualmente é analista de redes sociais no Greenpeace, onde desenvolve estratégias de engajamento, produz roteiros e apresenta o podcast “As Árvores Somos Nozes”.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque