Arquivo Curiosidades

Microsoft corta fundos para compra de Macs por funcionários

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A Microsoft é uma empresa bem flexível: por mais que ela tenha parcerias com grandes empresas de hardware para fabricação de computadores com o seu sistema, ela ainda permitia que seus funcionários comprassem os notebooks e desktops da sua concorrente Apple por meio de um fundo especial, com grana da própria empresa. Agora essa mamata parece ter chegado ao fim: segundo um e-mail vazado, os fundos para compras desses itens por parte dos funcionários foram cancelados.

A mensagem foi enviada na quarta-feira passada, mas apenas ontem foi recebida pela jornalista Mary Jo Foley, da ZDNet. A decisão foi comunicada por Alain Crozier, que é CFO do SMSG, o departamento da Microsoft responsável por marketing, vendas, serviços, T.I. e operações. Ele disse na mensagem que apesar “dos níveis de compra serem bem baixos”, a nova política instaurada na semana passada proíbe que Macs e iPads sejam comprados com dinheiro da empresa, tanto para funcionários nos EUA quanto para fora do país.

A Microsoft não confirma nem nega a informação. Mas ao que parece, a restrição só vale para os funcionários dos setores comandados pelo SMSG, todos os demais ainda podem comprar Macs com a grana de Redmond.

O que isso quer dizer? Como Macs são consideradas como as melhores máquinas para edição de vídeos, poderemos ver a qualidade dos conhecidos vídeos da gigante de software caindo com o passar do tempo. Ou não. 😛

Imagem sob licença CC do usuário adamjackson1984 no Flickr.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque