Bruno Ignacio

Bruno Ignacio

Sobre

Bruno Ignacio é geek, gamer e jornalista formado pela faculdade Cásper Líbero. Começou sua carreira em 2015 no jornal japonês The Asahi Shimbun, começou a escrever sobre tecnologia e games em 2019 e em 2020 iniciou sua especialização em criptoeconomia e blockchain.

Artigos de Bruno Ignacio

Maior gestora de criptomoedas do mundo bate recorde diário de captação

às 16h56 por

A Grayscale, a maior gestora de criptoativos do mundo, bateu seu recorde diário de valor investido nesta última sexta-feira (15), captando cerca de US$ 700 milhões. O CEO do fundo de criptomoedas, Michel Sonneschein, afirmou que a empresa apresentou neste ano uma alta na demanda de ativos digitais, em especial de bitcoin (BTC) e das chamadas altcoins (moedas digitais alternativas). Britânico oferece US$ 70 mi para recuperar bitcoins perdidos em aterro

Britânico oferece US$ 70 mi para recuperar bitcoins perdidos em aterro

às 12h18 por

O britânico James Howells ofereceu mais de US$ 70 milhões à Câmara Municipal de Newport (País de Gales) pela permissão para escavar um aterro sanitário onde descartou acidentalmente um disco rígido que continha 7.500 bitcoins (BTC). Pela cotação desta segunda-feira (18), o montante perdido seria equivalente a R$ 1,4 bilhão. Investidor de bitcoin esquece senha e congela US$ 220 milhões O que é bitco

Nvidia cogita fabricar placas de vídeo para minerar criptomoedas

às 18h15 por

A Diretora Financeira da Nvidia, Colette Kress, afirmou durante a 19ª Conferência Anual da J.P. Morgan que a empresa está potencialmente pronta para retomar a produção de GPUs voltadas à mineração de criptomoedas. A executiva explicou que se houver evidências de uma demanda significativa por esse tipo de hardware, a fabricante poderia aliviar a crescente pressão sobre estoques da série RTX 3000 ao voltar a vender as chamadas CMPs, placas adaptadas para a atividade. Minera

Golpe rouba US$ 580 mil em bitcoin usando Elon Musk como isca

às 16h11 por

Um esquema envolvendo bitcoin divulgado através do Twitter usa o rosto de Elon Musk para atrair vítimas. Contas verificadas na rede social foram hackeadas para promover a fraude, que solicita o envio de criptomoedas prometendo um retorno de 200% em ativos digitais. Um novo levantamento indica que mais de US$ 580 mil já foram arrecadados pelos golpistas em apenas uma semana. Empresário de criptomoedas é condenado por lavagem de dinheiro

Startup de criptomoeda recebe 1ª licença de banco federal nos EUA

às 14h13 por

A startup Anchorage anunciou na última quarta-feira (13) que se tornou a primeira empresa de criptomoedas a receber um alvará federal do Gabinete do Controlador da Moeda (OCC), do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos. A partir de agora, o fundo para investidores institucionais de criptoativos pode oferecer seus serviços a bancos nacionais e outras instituições financeiras. Novas regras dos EUA para criptomoedas podem ser “faca de dois gumes”

Mineração de criptomoedas agrava apagões e poluição no Irã

às 20h31 por

A mineração de criptomoedas no Irã afunda ainda mais a crise energética que assola o país. Múltiplas cidades sofrem com apagões enquanto usinas fósseis são forçadas a utilizar combustíveis de baixa qualidade. Como resultado, densas nuvens negras de poluição foram geradas sobre os céus de Teerã e outros municípios. Segundo autoridades do governo iraniano, a situação é agravada pela a atividade crescente e de alto consumo elétrico de mineradores de bitcoin e outros criptoativos.

Bitcoin precisa de regras para evitar lavagem de dinheiro, diz BC europeu

às 18h48 por

Christine Lagarde, presidente do Banco Central Europeu, criticou o papel do bitcoin em atividades “totalmente repreensíveis” de lavagem de dinheiro e afirma que a criptomoeda precisa de regulamentações acordadas globalmente. As declarações ocorreram durante uma entrevista em evento online organizado pela Reuters nesta quarta-feira (13). Empresário de criptomoedas é condenado por lavagem de dinheiro

Hackers roubaram US$ 3 bilhões em criptomoedas em 2020

às 16h50 por

Cerca de US$ 3 bilhões foram roubados de carteiras digitais de criptomoedas por hackers ao longo de 2020. Um novo estudo da Atlas VPN, publicado nesta última terça-feira (12), compilou números fornecidos pela plataforma Slowmist Hacked, que contabiliza ataques a projetos, aplicativos e tokens vinculados a redes blockchain. Empresário de criptomoedas é condenado por lavagem de dinheiro O

App de câmera usa blockchain para certificar origem das fotos

às 13h26 por

Um novo aplicativo gratuito de câmera criado sobre uma rede blockchain de segurança protege as fotos tiradas, gerando uma espécie de “certificado de criação” para imagens e rastreando possíveis alterações feitas por terceiros. Disponível para iOS e Android, o Capture surge para preservar a integridade de capturas autorais e para combater notícias falsas. Aeroporto de Frankfurt usa blockchain para rastrear COVID-19

Empresário de criptomoedas é condenado por lavagem de dinheiro

às 17h17 por

O proprietário da bolsa búlgara de criptomoedas RG Coins foi sentenciado a 10 anos de prisão por lavagem de dinheiro. Rossen Iossifov, de 53 anos, foi condenado por participar de um esquema multimilionário de uma gangue romena que vendia carros falsos pelo eBay. O réu ajudou a organização criminosa a lavar recursos adquiridos através das fraudes. Plano de US$ 3 trilhões dos EUA pode estimular preço do bitcoin

Investidor de bitcoin esquece senha e congela US$ 220 milhões

às 17h12 por

O programador Stefan Thomas se encontra na indesejável situação de ter cerca de US$ 220 milhões em bitcoin inacessíveis por esquecer a senha de sua carteira digital. Ele usava há dez anos um sistema de hardware de segurança físico chamado IronKey, que guarda suas chaves de acesso. O aparelho lhe dá apenas dez chances de acertar o código, esquecido há anos. Agora restam apenas duas tentativas antes que ele perca definitivamente mais de R$ 1 bilhão. Gêmeos do Facebook agora têm

Aeroporto de Frankfurt usa blockchain para rastrear COVID-19

às 14h31 por

Em meio à pandemia de COVID-19 pelo mundo, novas tecnologias começaram a ser utilizadas para monitorar o avanço do vírus. O aeroporto de Frankfurt, por exemplo, começou a adotar o blockchain na biovigilância para proteger dados públicos e a privacidade de quem transita. Polícia terá acesso a rastreamento de COVID-19 em celulares em Singapura Coron

Carregar mais posts