Trevis Bonifácio

Sobre

Estuda TI, é apaixonado por game design e cerveja. Quando crescer vai dominar a galáxia, mas por enquanto só faz piadas ruins. Acredita que videogames podem mudar as pessoas - quase sempre para o bem. Trabalha nas horas vagas e escreve sobre jogos para o TB.

Artigos de Trevis Bonifácio

RaidenX: destrua os inimigos e relembre a infância

24/07 às 13h01 por

O joguinho viciante desta semana é pura nostalgia. Existe uma memória muito clara da minha infância que eu guardo com muito carinho: a vez em que fui com meu pai em um "fliper" (também conhecido como arcade) e gastei muito dinheiro em um jogo de "navinha". Gastei muito dinheiro e não cheguei nem perto de passar do primeiro level. RaidenX me lembra muito desse dia, mas agora estou muito mais treinado e pode ser que eu passe da primeira fase. Talvez. Se por algum motivo você não sabe o que "jogo de navinha" significa, é fácil explicar: são esses jogos onde você controla um

Sieger: Rebuilt to Destroy, um puzzle de destruição e morte medieval

03/07 às 13h01 por

Pare tudo que estiver fazendo, não importa o que seja. A não ser que você esteja dirigindo, porque ai é melhor parar de ler e prestar atenção no transito. Hoje venho com um jogo que vocês talvez já conheçam, até porque já jogamos uma versão antiga dele aqui no Tecnoblog, mesmo. Que tal destruir castelos, matar inimigos e saquear tesouros em Sieger? Sim, por favor! Como faz muito temp

Dawn of the Sniper: proteja os sobreviventes no apocalipse zumbi

26/06 às 12h33 por

Quando o apocalipse zumbi chegar, a maioria não será capaz de sobreviver nem aos primeiros dias, mas quem conseguir se safar terá uma chance de se provar o salvador da humanidade, ou algo do tipo. Levando em consideração o estilo de vida que levo, tenho pouquíssima esperança de que eu não seja o paciente zero. Dawn of the Sniper me dá a chance de experimentar o que seria estar vivo durante o apocalipse e como seria explodir umas cabeças de mortos-vivos. Massa! Quase não precisamos de contextualização, não é? Você é um franco-atirador super competente (acredito que

Call of Spring: um inferno de balas tentando destruir a primavera

19/06 às 13h02 por

Prepare-se, pois é hora de muita ação. Falo sério: é bom dar uma alongada nos dedos, encontrar um bom suporte para o mouse e ter certeza que seu chefe não vai perceber que você está suando, pois Call of Spring não te dará trégua. Pronto para explodir uns inimigos e salvar a primavera? O mundo precisa de você. O conceito é simples e bastante conhecido: movimente-se com WASD e use o mouse para mirar e atirar. Elimine os inimigos em seu caminho e chegue até a saída do nível, repita. [swfobj src="https://tecnoblog.net/wp-content/uploads/2015/06/callofspring.swf" wid

Colourblind: um desafiante jogo de plataforma com muito estilo

12/06 às 13h18 por

Há quanto tempo não jogamos um bom jogo de plataforma? Acho que quem viveu na década de 90 nunca vai enjoar de jogos de plataforma. Acho que o resto das pessoas também gosta, mas não posso falar nada em nome delas. Hoje temos Colourblind, um jogo que exige habilidade e uma boa parcela de raciocínio para conseguir salvar a mocinha. A história não é muito original. Você estava aproveitando mais um dia calmo e maravilhoso ao lado de sua donzela quando um terrível senhor das trevas veio e a levou embora. Tudo bem que você e sua donzela são olhos e o senhor das trevas é u

Get rid of the weeds: é dia de cortar a grama!

29/05 às 13h12 por

Acredito que poucas pessoas aqui no Brasil tenham que cortar a grama do jardim com frequência. Não são muitas casas que têm grandes jardins e aqueles cortadores de grama super sensacionais que dariam até pra apostar corrida. Mas para os que por acaso já passaram pela experiência de dirigir um desses, me responda: é tão complexo como em Get rid of the weeds? Está dando um nó no meu cérebro. O nome do jogo diz isso mesmo: livrar-se do mato. Então é isso que você deverá fazer: cortar toda a grama de cada nível. Sabe como? Utilizando cortadores de grama que vão sempre

3 Slices 2: recortar blocos não pode ser tão complicado

22/05 às 13h01 por

Eu sempre fico super contente quando encontro algum jogo com mecânica muito simples, mas problemas extremamente difíceis de resolver. 3 Slices 2 é exatamente um exemplo disso. Puzzle, física, grandes desafios... O que mais se poderia querer de uma sexta-feira? Um pouco mais de foco e eu seria a pessoa mais feliz do mundo. O objetivo é bastante simples: derrubar todos os blocos coloridos. Como conseguir? Cortando estrategicamente cada bloco. É super relaxante. [swfobj src="https://tecnoblog.net/wp-content/uploads/2015/05/3slices2.swf" width="640" height="480"] Até come

Metro.Siberia: pilote esta nave futurística sem bater

08/05 às 12h50 por

Nada nunca é fácil, principalmente na Sibéria. Imagine dirigir uma nave futurística em trilhas feitas especialmente para serem difíceis de navegar. Espero que você esteja com ânimo para morrer diversas vezes até conseguir uma pontuação respeitável em Metro.Siberia. Tudo o que você precisa saber antes de começar a jogar Metro.Siberia é que precisará manter a barra de espaço p

Lost Yeti: um puzzle gelado e tranquilo para o feriado

01/05 às 13h03 por

Lost Yeti é um jogo bastante tranquilo para jogar em dias tranquilos. Hoje é um dia tranquilo, não é? E aqui onde estou faz até um pouco de frio, o que combina bastante com o clima do jogo, que envolve muita neve, blocos de gelo e picolés. Bom, talvez eu não ficasse com tanta vontade de picolé no frio, mas um abominável homem das neves curte essas coisas... não? Ele é um jogo relativamente simples: você desloca alguns blocos de gelo para alterar o caminho que seu Yeti percorre pelo nível. Faça-o alcançar a linha de chegada e seja feliz. Se conseguir pegar todos os pi

Kill the plumber: que tal um Super Mario ao contrário?

24/04 às 13h06 por

Há quem acredite que vale a pena um super herói bigodudo destruir todo um reino, matando seus habitantes inocentes e destruindo seus castelos para resgatar uma princesa. Há, também, quem diga que tudo poderia ser resolvido com um pouco de diplomacia ou até uma partida de kart. Kill the plumber conta a história que estamos acostumados a ver, mas de um diferente ponto de vista. Kill the plumber funciona como qualquer jogo de plataforma que você já tenha jogado na vida: setas direcionais para andar, pular, etc. O que muda, principalmente, é seu objetivo: impedir que

Golf is hard: Golfe é difícil. Não, sério

17/04 às 16h24 por

Acredito que poucos leitores do Tecnoblog jogaram golfe na vida real. Não é um dos esportes mais populares no Brasil; não sei nem dizer quais cidades têm campos de golfe. Me pergunto quanto custa o equipamento para jogar uma única partida de golfe. Ou só o preço de uma bolinha. De qualquer forma, desconsiderando todos esses pontos, existe algo que eu sinto que posso afirmar com certeza: Golf is hard. Golf is hard é um jogo bastante simples. Você escolhe o ângulo e força de cada tacada e tenta acertar o buraco. Sempre em uma única jogada. Difícil, mas a

Spin the black circle: você não vai conseguir terminar esse jogo

10/04 às 13h15 por

Vou começar dizendo apenas uma coisa: você não vai conseguir terminar este jogo. Espero que você esteja, neste exato momento, lendo essa coluna no conforto de sua casa, sem absolutamente nada para fazer. Se não for o caso, bom... pelo menos você acaba de encontrar o jeito perfeito de acelerar o tempo! Spin the black circle é um jogo que vai desafiar suas habilidades. Meus amigos, é difícil. Vou repetir: você não vai conseguir terminar Spin the black circle. Talvez você não consiga nem terminar os níveis de tutorial. Isso não é um desafio. É como se fosse

Carregar mais posts

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha