Ciência

Sobre

Posts com as novidades da ciência no meio tecnológico.

Os planos da Microsoft para armazenar dados em DNA

Hoje às 14h38 por

Os pesquisadores da Microsoft Research estão trabalhando em sistemas de armazenamento de dados baseados em DNA, e eles não devem demorar muito para virar realidade. O objetivo é colocar a tecnologia em funcionamento em um dos datacenters da empresa, ainda que para uma aplicação limitada, em até três anos. O DNA é um material promissor para armazenar dados por permitir uma densidade de informações extremamente alta: seria possível guardar até 700 terabytes em apenas um grama do composto. Na

ARM vai desenvolver chips para implantes cerebrais

18/05 às 16h27 por

Processadores ARM estão dentro de smartphones e de uma infinidade de outros dispositivos. Mas já pensou em um chip com tecnologia da marca indo parar dentro da cabeça de uma pessoa, literalmente? Pois saiba que a ARM fechou um acordo com o Centro de Engenharia Neural Sensório-Motor da Universidade de Washington (CSNE, na sigla em inglês) para desenvolver implantes cerebrais. Soa como aquelas ideias que a gente encontra na ficção científica. Se seguirmos por esse lado, dá para pensar em uma invenção como essa aumentando a capacidade de raciocínio da pessoa ou dando alguma habilid

Algoritmo detecta sinais de um derrame cerebral usando o Apple Watch

12/05 às 12h24 por

A Apple reposicionou seu relógio inteligente para pessoas que querem cuidar melhor da saúde. A empresa também tem a plataforma ResearchKit que coleta dados para uso em estudos médicos. O laboratório UCSF Health, da Universidade da Califórnia em San Francisco, uniu as duas ferramentas para criar um algoritmo que detecta sinais de um derrame cerebral.

Facebook testa interfaces cérebro-computador para digitar com a mente

20/04 às 15h14 por

Grandes empresas de tecnologia costumam ter um laboratório para explorar ideias fora da caixa. É o caso do Facebook e sua divisão de pesquisa e desenvolvimento chamada Building 8, que apresentou novas interfaces cérebro-máquina durante a conferência F8. Isso inclui um projeto de digitação cerebral, e também uma forma de "ouvir" através da pele."E se você pudesse digitar diretamente a partir do seu cérebro?", perguntou Regina Dugan, chefe do Building 8. Então, ela exibiu um vídeo demonstrando o

Apple trabalha em sensores que medem níveis de glicose no sangue

13/04 às 16h22 por

A Apple contratou um time de biomédicos e outros profissionais para trabalhar em uma ideia que não é nova, mas que poucas empresas conseguiram colocar no mercado: permitir que diabéticos monitorem os níveis de glicose no sangue apenas com sensores. Pelo menos é o que aponta a CNBC. É importante que pessoas com diabetes façam medições de glicose regularmente. Dessa forma, fica mais fácil identificar os tratamentos adequados, combater problemas imediatos

SpaceX relança e pousa foguete pela primeira vez

31/03 às 10h53 por

A SpaceX, do bilionário Elon Musk, está empenhada em reutilizar foguetes para reduzir os custos de explorar o espaço. Nesta quinta-feira (30), ela conseguiu relançar um Falcon 9 pela primeira vez - e entrou para a história. O foguete foi usado pela primeira vez em abril de 2016 para levar carga até a Estação Espacial Internacional. O Falcon 9 CRS-8 foi o primeiro a aterrissar com sucesso em uma barca da SpaceX no ma

Elon Musk cria empresa para hackear o cérebro humano

28/03 às 13h28 por

Encher as ruas com carros elétricos da Tesla, chegar a Marte com a SpaceX e criar o transporte público do futuro com o Hyperloop são feitos impensáveis para a maioria esmagadora das pessoas. Mas esses são os objetivos de Elon Musk, você deve saber. E não pense que ele parou por aí. O empresário agora quer "hackear" o cérebro humano e, para isso, está criando mais um negócio: a Neuralink. Na primeira olhada, a ideia é digna das histórias de ficção científica. Em entrevista ao

Este Wi-Fi por infravermelho é mais rápido, não congestiona e não sofre interferência

20/03 às 14h10 por

Você chegou a compartilhar arquivos com seus amigos pelo celular quando nem o Bluetooth era popular? Naquela época, as transmissões sem fio eram feitas por infravermelho e demoravam uma eternidade. Mas a mesma técnica pode ser utilizada para criar um Wi-Fi bem mais rápido que o atual — e que tem a vantagem de não ficar congestionado quando múltiplos dispositivos estão conectados. A tecnologia, apresentada por pesquisadores da Universidade Tecnológica de Eindhoven, nos Países Baixos, é simples: ela consiste em antenas fixadas no teto que emitem luz infravermelho para os disposit

Algoritmo do Google reduz tamanho de imagens JPEG em 35% (e com qualidade melhor)

17/03 às 13h39 por

O Google desenvolveu um algoritmo de compressão que pode reduzir o tamanho dos arquivos JPEG até 35% mais que o método tradicional, sem prejudicar a qualidade da imagem — em alguns casos, o resultado pode ficar até melhor que o obtido atualmente. Chamado de Guetzli, ele foi liberado nesta quinta-feira (16) como um projeto de código aberto. O JPEG é um formato de imagem bastante flexível: você pode escolher exatamente o nível de compressão ao salvar um arquivo em softwares especializados. A contrapartida é que, quanto menor o tamanho do arquivo, pior será a qualidade: trata-se

IBM cria HD que armazena dados em um único átomo

09/03 às 11h25 por

Os pesquisadores da IBM desenvolveram uma tecnologia que pode gerar uma revolução no armazenamento de dados: pela primeira vez, eles conseguiram guardar uma informação em apenas um átomo. A descoberta abre caminho para a criação de discos rígidos de altíssima capacidade, já que os dispositivos atuais precisam de cerca de 100.000 átomos para armazenar um único bit. O HD atômico da IBM é baseado no hólmio, um metal raro na Terra, minerado em países como China, Estados Unidos e Brasil. A produção do elemento químico é de apenas 

O dilema ético dos bebês geneticamente modificados

08/03 às 15h40 por

Imagine um futuro relativamente próximo no qual teremos a possibilidade de gerar bebês geneticamente projetados, ou nascidos de embriões escolhidos dentre vários outros, com upgrades em seu conteúdo, de forma a obter seres humanos muito mais saudáveis. Imagine um mundo onde teremos crianças chamadas "naturais", por terem sido geradas através do processo natural, sem modificações genéticas, sem glúten e com baixíssimas calorias. Não, calma, isso é outro comercial.

Carregar mais posts