Meio Bit » Games » Artbook Xenogears Perfect Works será finalmente relançado

Artbook Xenogears Perfect Works será finalmente relançado

Boa notícia aos fãs de Xenogears: o raro artbook Perfect Works será reimpresso no Japão; a editora já está realizando a pré-venda do lançamento

8 anos atrás

xenogears

Há muito tempo atrás, mais precisamente no remoto ano de 1998, a Square-Enix (na época apenas Squaresoft) lançou um novo RPG, pretendendo suprir a lacuna entre o sétimo e oitavo capítulos da franquia Final Fantasy, numa época em que a 5ª geração estava apinhada de excelentes jogos do gênero de diversas empresas, tais como Alundra, Wild Arms, Grandia...

Porém Xenogears se tornou mais do que um clássico. Hoje é considerado uma lenda, uma obra-prima dos 32 bits no que tange ao roteiro, extremamente bem amarrado e adulto, misturando conceitos e elementos de diversas mitologias, filosofia e religião, levando à eterna discussão da interação entre Deus e o homem. O tempo passou, a Monolith Soft tentou amarrar as pontas com a franquia Xenosaga que por si só é muito boa, mas nunca mais conseguiu chegar ao nível de excelência dessa pérola que conta uma história de amor que atravessou milênios.

O game é tão intrincado e complexo que o artbook Xenogears Perfect Works, um compêndio indispensável que destrincha a obra e traz inúmeras ilustrações de qualidade é outra joia. Entretanto houve um problema: a DigiCube, a editora que publicou o artbook faliu, e poucas unidades foram produzidas. Por causa disso ele vale seu peso em ouro, uma unidade com qualidade minimamente aceitável não sai por menos de US$ 200 no eBay. Se estiver em estado de novo então, sai de baixo.

xenogears_pw

Entretanto esta história está prestes a mudar. A Fukkan vai reimprimir o livro e o relançará no Japão em março. Os pedidos já estão abertos, é possível encomendar o seu por 5.250 ienes (cerca de R$ 118), fora despesas de envio. Para quem adorou a história de Fei e Elly e gostaria de ter um item da obra em lugar de destaque na estante, este livro é absolutamente obrigatório.

Claro, há o empecilho dele estar completamente em japonês e ele nunca foi localizado, e até o momento não se sabe se essa reimpressão o será. Em todo caso, quem quiser entender tudo o que está escrito no livro pode recorrer à tradução realizada por um cara sozinho por anos, que a disponibilizou no Flickr em 2009.

Fonte: Siliconera.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários