Meio Bit » Indústria » BREAKING NEWS: o Google vendeu a Motorola Mobility para a Lenovo por apenas US$ 2,91 bilhões

BREAKING NEWS: o Google vendeu a Motorola Mobility para a Lenovo por apenas US$ 2,91 bilhões

Você acabou de comprar seu Moto X ou Moto G? Saiba que o Google não controla mais a Motorola Mobility, que acabou de ser vendida para a Lenovo. Reclame de atualização do Android com a chinesa, agora!

8 anos atrás

Laguna_Motorola

Motorola Mobility nunca deu muito lucro ao Google (Crédito: The Verge)

Nesta quarta-feira, 29 de janeiro, o Google acabou confirmando que vendeu a Motorola Mobility para ninguém menos que a Lenovo. Foi um negócio bilionário, US$ 2,91 bilhões; mas bem longe dos 12,5 bilhões de dólares que a gigante das buscas pagou por tal divisão da Motorola alguns anos atrás.

A (grande) diferença de valores se deve ao Google reter a propriedade da maioria das patentes adquiridas da Motorola Mobility: das 17.000 patentes em posse do Google, apenas 2.000 delas irão para a chinesa. Detalhe que esta não é a primeira vez que o Google vende parte da Motorola, pois Montain View já havia vendido o setor de set-top boxes por US$ 2 bilhões. Sob o Google, a Motorola não deu muito lucro, exceto nesse desmanche todo.

O interessante é que a Lenovo seria uma das empresas interessadas na compra da BlackBerry, mas o movimento de hoje joga qualquer rumor por terra: se havia alguma chance de a chinesa pegar a canadense de jeito, agora não sobrou dinheiro para o dote. Cabe ao governo norte-americano tentar salvar a ex-RIM.

Voltando ao assunto, o Google diz que tal venda não terá qualquer impacto nos projetos de integração com outros hardwares Android, sejam vestíveis (Google Glass) e/ou de mídia (Chromecast), mas deixa claro que nunca foi intenção da empresa ter um smartphone próprio. Ao menos não num futuro próximo.

Já a Lenovo lucrará bastante com tal negócio pois além de ser a maior montadora de PCs do mundo, será em breve a terceira maior fabricante de smartphones no continente americano: os atuais acordos com distribuidores e operadoras que a Motorola tinha garantirão à chinesa o alcance de todo o mercado global de telefonia celular.

O tio Laguna fica a imaginar aqui a situação de alguém que comprou um Moto X ou um Moto G, smartphones Android bons e baratos, sabendo que a Motorola vai sair das mãos do Google. Eu guardaria meu dinheiro ou talvez investiria num Nexus 5.

Também quero saber onde vão parar os smartphones Lenovo como o Vibe X, se vão servir aos nichos mais populares, de mais baixo custo, ou se a Lenovo vai preferir usar as marcas da Motorola em toda a sua futura linha de celulares. É aguardar pra ver.

Leia também:

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários