Meio Bit » Games » A dificuldade em levar o The Last of Us para o PS4

A dificuldade em levar o The Last of Us para o PS4

O PlayStation 4 em breve receberá uma versão melhorada do The Last of Us, mas de acordo com o diretor criativo do game, fazer essa adaptação tem se mostrado um verdadeiro inferno.

7 anos atrás

the-last-of-us

Devido a todo o poderio dos consoles da nova geração, levar jogos do PlayStation 3 e Xbox 360 para seus sucessores pode parecer algo simples, mas a Naughty Dog descobriu da pior maneira possível que a diferença de arquitetura pode dificultar bastante esse trabalho.

Quem falou sobre o duro processo de adaptação foi Neil Druckmann, diretor criativo do The Last of Us, que em breve aparecerá no PlayStation 4, mas não sem antes dar uma bela dor de cabeça para o estúdio.

Esperávamos que fosse um inferno e foi um inferno. Apenas ter a imagem na tela, mesmo com qualidade inferior, com problemas nas sombras, na iluminação e travando a cada 30 segundos… isso levou bastante tempo. Esses engenheiros são alguns dos melhores da indústria e otimizaram o jogo tanto para a SPU do PS3. Foi otimizado em um nível binário, mas após mudar essas coisas, você precisa voltar ao alto nível, certificar-se de que o sistema está intacto e otimizar novamente.

De acordo com o game designer, sua equipe ainda teve que rodar as versões lado a lado, para terem certeza de que tudo estava funcionando de maneira parecida, pois embora eles obviamente quisessem que o jogo parecesse mais bonito no novo videogame, a experiência tinha que ser a mesma e neste processo de adaptação, até a física poderia ser alterada.

Outro problema seria a maneira como eles mostrariam a beleza do The Last of Us rodando em Full HD e 60 frames por segundos, já que ao subir trechos da jogatina para o YouTube o site automaticamente os exibiria com a metade da taxa de atualização. Oferecer então um vídeo para as pessoas baixarem? É uma opção, mas o arquivo terá centenas de MB e por isso será outro problema que terão que contornar.

Talvez o tempo mostre que este é apenas um caso isolado, mas as dificuldades encontradas pela Naughty Dog podem indicar que o PS4 e o Xbox One não receberão tantas versões remasterizadas de jogos antigos quanto os seus irmãos mais velhos, pois se um estúdio tão habituado com a arquitetura da Sony está tendo problemas, imagine os outros.

Fonte: Edge.

relacionados


Comentários