Meio Bit » Hardware » Usuário não poderá colocar mais RAM no novo Mac Mini

Usuário não poderá colocar mais RAM no novo Mac Mini

Apple decide por tornar RAM do Mac Mini, seu computador pessoal mais barato, inacessível ao usuário

6 anos atrás

image

A Apple tinha no Mac Mini uma opção para muita gente que gostaria de adquirir seu primeiro computador pessoal com uma maçã estampada. Ele não só era de certa forma barato como simples de ser atualizado, com acesso à RAM simplificado. Porém, com a última atualização isso ficou no passado.

Vários usuários que adquiriram modelos da nova geração do Mac Mini, lançados na última quinta-feira deram de cara com uma realidade um tanto desagradável: a memória principal (RAM) do aparelho, até então a única coisa que o usuário poderia atualizar por conta própria não é mais acessível, passando a ser soldada à placa tal qual o processador Intel Haswell. Você ainda pode substituir o disco rígido do pequeno computador, mas isso custará a perda da garantia do mesmo (como sempre foi na verdade).

Ao usuário só restaram três opções, que são os modelos pré-configurados que a Apple vende: i5 dual-core de 1,4 GHz, 4 GB de RAM, HD de 500 GB por R$ 2.799,00; i5 dual-core de 2,6 GHz, 8 GB de RAM e HD de 1 TB por R$ 3.799,00 e i5 dual-core de 2,8 GHz, 8 GB de RAM e Fusion Drive de 1 TB por salgados R$ 5.399,00. Todos eles podem receber mais RAM até 16 GB, mas ter que customizar o computador no próprio site da Apple é muito mais dispendioso do que realizar o upgrade por conta própria.

É realmente uma pena. Para muita gente o Mac Mini sempre foi uma excelente opção por ser barato (para os padrões da maçã) e facilmente upgradeável, e agora isso acabou. Agora, para conseguir um modelo com processador Haswell razoavelmente poderoso será preciso abrir a carteira.

Fonte: MR.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários