Meio Bit » Ciência » Emirados Árabes embarcam no expresso marciano

Emirados Árabes embarcam no expresso marciano

Enquanto o Brasil lança satélite e esquece de escrever o software associado, outro país decide brincar de exploração espacial como gente grande. Os Emirados Árabes anunciaram que estão pensando grande, e vão direto pra Marte. Isso mesmo, serão a primeira nação árabe a mandar uma sonda pro planeta vermelho, em 2020. Boa sorte e bem-vindos de volta ao tempo em que grandes cientistas árabes sonhavam com o Cosmos.

6 anos atrás

Rocket_Earth_A0000[4]

A longa lista de países e empresas com um programa espacial melhor que o brasileiro ganhou um novo membro e, assim como o Chris Hemsworth, é um membro de respeito. Com a 7ª renda per capita do mundo, os Emirados Árabes são um país extremamente próspero, que não tem onde gastar dinheiro. Eles sequer cobram Imposto de Renda.

Com obras magníficas em Dubai, ilhas artificiais, pistas de eski indoor já se tornando lugar-comum, o dinheiro agora está sendo direcionado para o espaço. Retomando a antiga tradição de astrônomos e cientistas árabes, a Agência Espacial dos Emirados resolveu pular etapas e anunciou uma sonda robótica para estudar Marte, a ser lançada em 2020.

A sonda Hope utilizará um foguete comercial e chegará em Marte em 200 dias.

Com 2,37 m de largura, 2,9 m de altura e 1.500 kg, mandará imagens e vários outros dados científicos via um link de 1,5 Mbit/s. Eles pretendem criar um mapa climático global de Marte, entender os padrões e a dinâmica da atmosfera e determinar a presença e quantidade de água líquida no planeta, entre outros objetivos.

Rocket_Earth_B0000

Em dois anos planejam receber 1 TB de dados. A meta é em 2021 tornar os Emirados uma das nações líderes em exploração espacial. É ousado? Com certeza, mas há pouca coisa que não pode ser feita com dinheiro e determinação.

Aqui a apresentação do projeto:

Mohammed Bin Rashid Space Center MBRSC — Emirates Mars Mission

Fonte: a agência lá dos caras.

relacionados


Comentários