Meio Bit » Hardware e periféricos » Da série Internet das Coisas Inúteis: garrafa que avisa quando é hora de beber água

Da série Internet das Coisas Inúteis: garrafa que avisa quando é hora de beber água

Mais um exemplo da Internet das Coisas Inúteis: HidrateMe, uma garrafa esperta que avisa o dono (não tão esperto) quando é hora de beber água

5 anos atrás

hidrateme

Existem dois tipos de Internet das Coisas. Uma é feita por gente séria, como o Cardoso constatou na PTC Tech Day: dispositivos inteligentes que monitoram informações sensíveis, principalmente por estarem presentes em equipamentos que se não são críticos, ao menos darão um prejuízo enorme para todos os envolvidos em caso de pane.

A outra, a mais alardeada pela mídia é a Internet das Coisas Inúteis: geladeira que tuita, fogão que posta no Facebook, bandeja que ovos que avisa quando um estraga ou quando eles acabam, persiana online, escova de dentes que acessa o National Geographic, smartbomba de encher bola... essas coisas.

O grande problema desse segundo caso é tentar consertar algo que não está quebrado, complicando o que deveria ser simples. Tecnologia não se resume a um painel mostrando tudo o que você tem na geladeira e realizando compras do que está faltando. Na maior parte das vezes o mais simples resolve tudo, sem nada high tech.

Só que o pessoal insiste. A mais recente é essa bobagem aqui:

hidrateme-001

A HidrateMe se vende com uma garrafa de água inteligente. Ela se conecta com o smartphone e o usuário precisa responder algumas perguntas simples, como peso e o quão ativo diariamente ele é. A partir daí, sempre que o usuário precisar beber água ela vai brilhar. Ela também monitora o consumo e quanto tempo você ficou sem beber água.

Jiazhai Bo — HidrateMe Smart Water Bottle by Hidrate, Inc

Senão vejamos: eu sei que é importante se manter hidratado. Sei também que muita gente negligencia isso e pode entrar num processo de desidratação sem perceber, trocando água por outras coisas. Mas não consigo conceber um produto para automatizar algo tão trivial quanto levantar a bunda da cadeira e beber um copo d’água no filtro quando sentimos sede.

Para completar estão cobrando US$ 45 dólares na tal garrafa. Eu não sei vocês, mas para mim me parece um desses produtos que busca apenas complicar algo simples quanto perceber que está na hora de beber água antes de esturricar. A ideia da Internet das Coisas é excelente quando bem executada; para mim este não é o caso.

Fonte: Kickstarter.

relacionados


Comentários