Meio Bit » Games » Pico Cassette, um cartucho que trará jogos antigos para os celulares

Pico Cassette, um cartucho que trará jogos antigos para os celulares

Conheça o Pico Cassette, um cartucho que promete trazer clássicos dos games para os smartphones. Sim, um cartucho!

5 anos atrás

pico-cassette-2

As empresas já perceberam que a nostalgia é um sentimento que pode lhes ajudar muito a aumentar o faturamento e por isso não é de se estranhar a grande quantidade de títulos que tem sido relançados ultimamente, seja através de versões remasterizadas, seja funcionando de maneira idêntica aos originais.

Foi então que os japoneses da Beatrobo tiveram uma “brilhante” ideia: trazer para os smartphones alguns clássicos do passado, mas para dar uma maior sensação de que o jogador está realmente se divertindo com algo da década de 80 e 90, eles não distribuirão os títulos por download, mas sim através de cartuchos.

Isso mesmo, por mais difícil que seja acreditar, o Pico Cassette é uma “fita” que deverá ser plugada na entrada de fone de ouvido do celular e que nos dará acesso a jogos que fizeram sucesso há 20, 30 anos, mas sabe o que é o pior de tudo? Ela não trará realmente o game, apenas transmitirá um som inaudível que permitirá o download do título e de acordo com os criadores, isso ainda permitirá que o save seja aproveitado em aparelhos diferentes.

pico-cassettePara Hiroshi Asaeda, um dos fundadores da startup que tentará viabilizar o produto através do financiamento coletivo, trazer jogos como um Chrono Trigger para os smartphones é algo que já temos, mas devido a maneira como as vendas de clássicos são feitas hoje não temos aquela sensação de sermos donos do jogo, ideia com a qual sou obrigado a concordar e o seu produto vem justamente para resolver esse problema.

Conhecida como PlugAir, a tecnologia tem sido utilizada pela própria Beatrobo para vender fisicamente músicas e vídeos no Japão e como estamos falando de um país em que coisas que podem parecer estranhas para os ocidentais costumam fazer muito sucesso, não duvido que o Pico Cassette encontre seu público.

Agora, será que sou o único a achar péssima a ideia de ter um trambolho desses pendurado no celular? Ok, ter uma coleção de cartuchos de jogos que marcaram época é algo que me atrai, mas para celular? Não, obrigado!

Fonte: The Next Web.

relacionados


Comentários