Meio Bit » Mercado » Gartner: Mercado Mobile, 2007-2008

Gartner: Mercado Mobile, 2007-2008

11 anos atrás

O Gartner Group divulgou alguns dados bem interessantes, sobre as vendas do mercado de smartphones para consumidores finais.

Alguns resultados eram esperados, como a avassaladora tendência de crescimento do iPhone, ou a queda do Symbian, que mal ou bem não muda desde os tempos do Nokia 6600, pelo menos do ponto de vista de quem usa.

Outros resultados são menos óbvios. Vejamos um gráfico:

O marketshare do Windows Mobile caiu 0,2%, fruto da confusão de marcas, lançamentos decepcionantes e uma interface mais desktop do que smartphone. Já o Symbian, embora preferido ainda pela grande maioria, está com dificuldade em fidelizar o usuário, que partiu para a experimentação com a voracidade de uma universitária sob efeito de tequila e uma amiga especialmente atraente.

A Palm? Cresceu o que a Microsoft caiu, mas de 1,4% para 1,8% é o mesmo que dizer que de irrelevante ela passou a insignificante no cenário.

Vejamos valores absolutos, as vendas estão em milhares de unidades:

Vemos que a virada de 2007/2008 foi o grande momento do Blackberry, 23 milhões de unidades vendidas é algo MUITO respeitável, e um crescimento só superado pela Apple, mas a Apple é a Apple.

A grande surpresa dessas dados do Gartner é o marketshare de 9,6% do Linux, em 2007. 11 milhões de Smartphones Linux vendidos. DEZ VEZES o número de Palms e quase 4 vezes o número de iPhones comprados no período.

Claro, depois disso veio uma queda em 2008 de 4,2%, aparentemente o Linux perdeu o momentum.

Em conclusão, no ano de 2007 o Linux vendeu tantos smartphones quanto a Research in Motion, quase tantos quanto o Windows Mobile e engoliu o iPhone.

É. 2007 foi o Ano do Linux nos Smartphones, mas ninguém percebeu...

Fonte: Gartner Group, via Galileu Vieira

relacionados


Comentários