Meio Bit » Games » Games para PC » Rise of the Tomb Raider pode chegar ao PC em janeiro

Rise of the Tomb Raider pode chegar ao PC em janeiro

Amazon francesa diz que o Rise of the Tomb Raider será lançado para PC no dia 29 de janeiro e sugere que a exclusividade das plataformas Xbox era bem menor do que poderíamos imaginar.

5 anos atrás

rise-of-the-tomb-raider

Durante a Gamescom do ano passado a Crystal Dinamics decepcionou muita gente ao revelar que o Rise of the Tomb Raider seria exclusivo das plataformas Xbox e embora não tenha demorado muito para recebermos a confirmação de que essa exclusividade seria temporária, ainda faltava sabermos quando o título chegaria ao PC e aos consoles da Sony.

Em julho a Square Enix chegou a dizer que o título só deveria aparecer no PlayStation 4 lá pelo final de 2016 e que nos computadores a espera deveria ser menor, com uma versão sendo disponibilizada no início do ano que vem, mas parece que esse lançamento está bem mais perto de acontecer do que poderíamos imaginar.

Apesar de um anúncio oficial não ter sido feito, logo por enquanto esta possibilidade deva ser tratada como um rumor, a chegada do novo jogo da Lara Croft foi marcada para o dia 29 de janeiro pela Amazon francesa. No entanto, ao visitarmos a página dedicada ao jogo agora podemos ver que o lançamento foi alterado para o final de 2020, ficando portanto a dúvida sobre um possível erro inicial ou se a pedido da editora (influenciada pela Microsoft) eles fizeram essa alteração para despistar a verdadeira data de lançamento.

Rise_of_the_Tomb_Raider

De qualquer forma, aqueles que costumam jogar no PC não deverão ter que esperar muito para colocar as mãos no amplamente elogiado Rise of the Tomb Raider e caso você não ligue muito para gráficos um pouco inferiores a aqueles vistos no Xbox One, uma boa dica pode ser encarar o jogo no seu antecessor, que também parece estar muito bonito.

Por enquanto fico aqui aguardando um bela promoção pela versão para o Xbox 360, mas confesso que esse possível lançamento para o PC me desanimou um pouco, ainda mais depois de lembrar que o capítulo anterior foi lançado para computadores custando uma mixaria (paguei menos de R$ 60 na pré-venda).

Fonte: Gamezone.

relacionados


Comentários