Meio Bit » Games » Games para PC » Quantum Break não será vendido pelo Steam

Quantum Break não será vendido pelo Steam

Depois de anunciar o Quantum Break para PC, Micrsoft revela que o jogo não estará à venda no Steam.

4 anos e meio atrás

quantum-break

Na semana passada a Microsoft revelou que os computadores receberiam mais um dos jogos “vendidos” como exclusivos para o Xbox One e se de um lado tivemos um grupo de pessoas que ficaram indignadas com a notícia, do outro vimos muitos jogadores de PC comemorando a possibilidade de jogar o promissor Quantum Break.

Porém, além de exigir uma máquina de respeito para rodar na plataforma, existe um detalhe que deverá afastar vários interessados que é a ausência da criação da Remedy Entertainment no Steam, principal sistema de distribuição digital do mercado e local onde grande parte dos jogadores preferem adquirir seus jogos.

Quem confirmou e defendeu a decisão foi Aaron Greenberg, chefe do marketing da divisão Xbox, que participou do podcast mantido por Larry “Major Nelson” Hryb e ainda reafirmou o compromisso da empresa com o console.

O Quantum Break no Windows 10 é exclusivo da Windows Store.

 

As vezes estamos inovando, as vezes estamos experimentando, as vezes estamos traçando novos caminhos para coisas diferentes. Nós sempre queremos ouvir o feedback das pessoas, estamos sempre ouvindo. Embora elas possam nem sempre concordar 100% com tudo o que fazemos, adoramos o feedback.

 

As pessoas devem saber: o Xbox é uma grande prioridade e um enorme compromisso. Por favor não deixe o fato de que também lançaremos um jogo no mesmo dia para o Windows 10 mudar sua perspectiva sobre a importância do console ou o nosso comprometimento em inovar no console.

Outro futuro lançamento da Microsoft que não deverá aparecer na loja da Valve é o Fable Legends e apesar de executivos da empresa terem elogiado a maneira como o Steam ajudou o PC a se consolidar como uma excelente plataforma de jogos, a gigante de Redmond não parece mais tão disposta a apoiar um serviço que na minha opinião não deveria ser considerado um concorrente.

O pior é que ter o Quantum Break disponível apenas na Windows Store faz algum sentido, já que a ideia da empresa é fazer com que este seja o primeiro de vários títulos que contem com um sistema de cross-buy e cross-save, ou seja, compre em uma plataforma e tenha acesso ao jogo em outra, então a loja do sistema operacional poderá servir como um substituto para o tão odiado Games For Windows Live.

O curioso é que é justamente a sombra deixada por aquele serviço que tem feito muitos jogadores já torcerem o nariz para essa exclusividade da Windows Store e por isso não é de se estranhar que aqueles que tiveram algum tipo de problema com o GfWL estejam receosos quanto a adquirir jogos por lá.

Fonte: PCGamer.

relacionados


Comentários