Meio Bit » Indústria » O Rato com Poderes de Darwin

O Rato com Poderes de Darwin

Você é um homem ou um rato? Se for pra enfrentar um escorpião eu sou um homem, portanto fugirei gritando feito uma garotinha. Se fosse um rato nem suaria, ainda mais se for um rato-gafanhoto, um bicho fofinho e simpático que graças à Evolução desenvolveu mais que imunidade: ele transforma o veneno do escorpião em… analgésico.

5 anos atrás

gAE1eDp

A maior dificuldade que os céticos da Teoria da Evolução têm, além de entender que em Ciência o que eles acham que é teoria se chama hipótese, é que evolução demoooooora. Ao menos macroevolução, são milhões de anos até um comentarista de portal de notícias se tornar uma bactéria.

Adaptações menores levam menos tempo, claro. Veja o que a seleção artificial fez com a banana: a da direita é uma banana selvagem, a da esquerda um dos clones que aprimoramos e comemos.

domestication-of-the-banana

Nós, claro, nem arranhamos as possibilidades: a Natureza teve 4 bilhões de anos pra brincar de Evolução. Na verdade ainda brinca, por isso antibióticos bons são tão caros.

Dentre as melhores invenções da Evolução estão venenos e peçonhas. São uma forma ótima de conseguir comida E afastar predadores, e funcionam tão bem que várias espécies se disfarçam de animais venenosos. Qualquer um que veja uma Cobra Coral não vai esperar para identificar se é uma falsa coral.

Ah sim, isto aqui é uma mariposa.

Insects-that-look-cool11

Isto aqui é uma mosca.

Hoverfly-

Predadores também se disfarçam para andar entre as presas sem chamar atenção. Isto aqui é uma aranha.

Ant_Mimic_Spider

Uma característica fascinante dos animais venenosos é que eles estão sempre em rápida evolução, é uma corrida armamentista para evitar que as presas desenvolvam resistência a seus venenos, e o campeão absoluto nessa guerra sem fim é o Rato Gafanhoto (Onychomys torridus), comum no Deserto de Sonora, nos EUA. Você não dá nada por ele:

19

Um bichinho fofinho minúsculo no rodapé da cadeia alimentar, imagine quando ele der de cara com outro bicho muito comum no deserto: o Escorpião do Arizona:

bark_scorpion_375x254

Ele alcança 8 cm de comprimento, é o escorpião mais venenoso da América do Norte, sua picada causa extrema dor, náusea e vômito por até 72 horas, paralisia de membros e convulsões, há relatos de paradas respiratórias. Nos anos 80 no México 800 pessoas foram mortas por ele.

Nosso amigo rato está perdido, não? Estaria, mas mais fortes são os poderes de Darwin. Um escorpião desses mataria instantaneamente um bicho do tamanho de um Rato Gafanhoto mas num deserto, como todo mundo menos a tumblerina que queria que a Rey fosse gorda sabe, comida é algo escasso. Fugir do escorpião faria sentido em outro lugar, e a maioria dos bichos aprendeu a fazer isso, já o ratinho…


Deep Look — Stinging Scorpion vs. Pain-Defying Mouse

Por milênios ratos com fome tentaram comer os escorpiões e se deram mal, mas um dia uma mutação aleatória gerou um rato que quaaaase morreu, mas conseguiu sobreviver à picada. Esse rato gerou descendentes que repassaram esse gene. Aos poucos o gene foi mutando mais e mais, as versões que tornavam o rato menos resistente morriam junto com ele. As que tornavam mais resistente roubavam o escorpião do rato resistente mas estropiado.

Uma fração de segundo do Calendário Cósmico depois e o Rato Gafanhoto não só é imune ao veneno do escorpião, como ele aprendeu a sintetizar uma enzima que transforma o veneno em… analgésico.

Quando o rato ataca e é picado fica dolorido por alguns segundos, seu corpo se enche do equivalente no mundo dos roedores a uma dose cavalar de morfina e as picadas subsequentes são meros incômodos.

mouse_fightingcentipede_480x360

Agora você já não tem tanta certeza do que vai acontecer na imagem acima, né?

Pra piorar é uma rata protegendo a ninhada. A lacraia não teve a menor chance.


National Geographic — Centipede vs. Grasshopper Mouse

Fonte: Scientific American.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários