Meio Bit » Games » Retrocompatibilidade do Xbox One agora suporta jogos do 360 em múltiplos discos

Retrocompatibilidade do Xbox One agora suporta jogos do 360 em múltiplos discos

É oficial: a retrocompatibilidade do Xbox One agora funciona com jogos do Xbox 360 em múltiplos discos. O primeiro título do 360 com dois discos a rodar no novo console da Microsoft é Deus Ex: Human Revolution Director's Cut.

4 anos atrás

Laguna_Xbox_One_360

Retrocompatibilidade, a capacidade de rodar jogos de antigos consoles em novos, é um paradoxo: se você perguntar a alguém que vai comprar um novo console se o recurso é importante, provavelmente a pessoa dirá que sim. Depois de, sei lá, um ano com o novo console, você pergunta ao tal gamer quantos jogos do antigo console ele jogou no novo aparelho. O tio Laguna apostaria que aquele mal teve tempo de jogar os novos.

Dificilmente alguém compra um novo videogame para apreciar os velhos títulos compatíveis, mas todo mundo quer ter essa opção se não representar custo adicional algum. Problema: mesmo sendo alguma retrocompatibilidade mais simples, que só exige algum patch para corrigir minúcias e fazer ajuste fino do velho software no novo hardware, ela tem um bom custo que não pode ser ignorado.

Apesar de o Xbox One sempre ter tido hardware suficiente para rodar jogos do Xbox 360, a Microsoft preferiu esconder isso dos leigos. Até a E3 2015.

Laguna_White_Xbox_One_console_peq

A revelação foi uma surpresa para muitos: como o Xbox One poderia rodar os jogos do Xbox 360?

Resposta curta e sem firula técnica: o Xbox One é mais poderoso que o PlayStation 3, que por sua vez é mais poderoso que o Xbox 360. Isso tanto em CPU quanto em GPU.

O atual console da Sony poderia fazer a mesma coisa com seu antecessor? Não. Por quê? Além da diferença de arquitetura, o processador central de um PS4 é pouco menos poderoso que o velho PS3. Isso aí, o Cell era mesmo uma tecnologia alienígena e seus jogos vão continuar exclusivos do PS3 exceto se retrabalhados.

Retrabalho é algo que a Microsoft procurou evitar para prover retrocompatibilidade no Xbox One. Temos algo como “a emulação do Xbox 360” com alguns ajustes finos. Para o jogador, basta colocar o DVD e o sistema trata de baixar a versão digital do jogo com os ajustes e outros complementos necessários.

Não, o jogo de Xbox 360 não roda no Xbox One direto do respectivo DVD. Isso criaria mais uma dificuldade para a emulação, o DVD do jogo do 360 serve apenas para fim de autenticação. Até para evitar brecha de segurança.

E é para evitar brecha de segurança que a retrocompatibilidade do Xbox One ainda não trabalhava com jogos do 360 divididos em mais de um disco. O que era para ser apenas mais uma lista de jogos de Xbox 360 compatíveis com o Xbox One acabou se tornando algo mais.

Na primeira semana do presente mês, maio, tivemos o anúncio dos seguintes jogos de 360 no Xbox One:

Altered Beast Frogger Runner2
Comix Zone Galaga Legions DX Phantasy Star 2
Dig Dug Ghostbusters: Sanctum of Slime Samurai Showdown 2
Double Dragon: Neon Jet Set Radio Sonic & Knuckles
The Cave MX vs. ATV Reflex Texas Hold 'Em
Star Wars: The Force Unleashed Star Wars: The Force Unleashed 2

·
E na segunda semana de maio, a semana passada, é que tivemos o detalhe:

Laguna_DeusEx_HRDC_360_disc2_Label_peq

Deus Ex: Human Revolution Director's Cut
Faery: Legends of Avalon Frogger 2
Final Fight: Double Impact Puzzlegeddon

·
Deus Ex: Human Revolution Director's Cut é o primeiro jogo do Xbox 360 dividido em mais de um disco disponível no Xbox One via retrocompatibilidade. Bom lembrar que a versão original de Deus Ex: Human Revolution já estava disponível antes, mas tal jogo só possui um disco no Xbox 360.

Os engenheiros de retrocompatibilidade da divisão Xbox finalmente conseguiram contornar o problema dos jogos em múltiplos discos. Agora não há muitos obstáculos técnicos para o Xbox One receber jogos mais populares do 360 como Assassin's Creed III, Mass Effect 2, Max Payne 3 e Red Dead Redemption, por exemplo, além de JRPGs como Blue Dragon, Final Fantasy XIII, Lost Odyssey e The Last Remnant.

O próximo passo seria disponibilizar os jogos do Xbox original no Xbox One, ao menos aqueles que já rodavam no Xbox 360. O único problema comercial seria pagar o pedágio da nVidia.

É tanto esforço que até posso especular que um próximo console da Microsoft provavelmente rodará os jogos do Xbox One e do Xbox 360 logo de cara. A empresa não faria algo assim em vão, mesmo sendo um recurso pouco utilizado. Tenho pena de quem precisou vender seus jogos do Xbox 360: embora o antigo console tenha deixado de ser fabricado, seus discos ainda têm utilidade em outro aparelho.

Fonte: Engadget via The Verge.

relacionados


Comentários