Meio Bit » Indústria » Intel não vai mais patrocinar feiras de ciências

Intel não vai mais patrocinar feiras de ciências

Feiras de Ciência são uma tradição nos EUA, bem como empresas investindo nelas, mas agora a Intel resolveu que não quer mais colocar dinheiro em dois dos mais conhecidos eventos desse tipo. É um precedente perigoso e pode se tornar um imenso tipo no pé.

3 anos e meio atrás

reuters_larrydowning

No Brasil isso soa quase alienígena, mas países que pretendem ser mais que meros fornecedores de matéria-prima investem pesado em ciência, tecnologia e educação. Nos EUA há toneladas de programas direcionando as crianças para a área de STEM, sigla para Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática. Sorry, Humanas, no cookie for you.

Carl Sagan dizia que toda criança nasce cientista, aí os adultos tanto batem que conseguem tirar essa idéia estranha dela. É tarefa de todos nós evitar que isso aconteça, e feiras de ciências são um grande incentivo. É algo levado tão a sério que no tempo do Obama a Casa Branca fazia uma feira de ciências, com crianças e jovens do país todo.

Por isso é triste ver que a Intel decidiu que em 2019 vai parar de patrocinar a Feira Internacional de Ciência e Engenharia, evento que vinha prestigiando desde 1998. Eles também pararam de patrocinar a Busca Nacional de Talentos em Ciência, uma espécie de Prêmio Jovem Cientista mas para jovens de escola, não pós-graduandos com doutorado, como o nacional.

A única explicação é economia, mas se a Intel acha que é uma atitude inteligente parar de investir a longo prazo em ciência, vão descobrir da pior forma que não dá pra ser pioneiro e inovador com mão-de-obra de segundo escalão.

Fonte: Fortune.

relacionados


Comentários