Meio Bit » Ciência » O dia em que os EUA lançaram um míssil nuclear no Brasil

O dia em que os EUA lançaram um míssil nuclear no Brasil

De todas as histórias da Guerra Fria uma das menos conhecidas foi quando os EUA lançaram um míssil nuclear no Brasil. Se serve de consolo, foi sem-querer…

4 anos atrás

byebyebrasilia

Acidentes  acontecem, e esse envolveu um míssil muito velho, o SM-62 Snark, um meio-termo pensado no final da Segunda Guerra Mundial: em vez de bombardeiros, um míssil de cruzeiro automatizado que voaria 10 mil km e soltaria uma bomba nuclear no alvo.

Problema que o projeto começou em 1946, o transístor seria inventado em 1947. O Snark teria que ser controlado por um sistema de navegação usando barro fofo e pedra lascada. Bem, eles conseguiram.

snark_sm-62_1

Durante os testes o Snark era lançado da Flórida em direção à ilha de Ascensão, no Atlântico. Inicialmente os técnicos não conseguiam entender o erro médio de 31,5 km em relação ao ao, mas depois descobriram que as cartas náuticas fornecidas pelos ingleses estavam erradas. O Snark se dirigia ao ponto indicado nos mapas mas não era lá que a ilha estava. Corrigido isso a margem de erro caiu pra 7 km.

Infelizmente o Snark demorou muito a ser refinado e nesse meio-tempo os mísseis balísticos foram aperfeiçoados. O Snark só se tornou operacional em fevereiro de 1961 e foi declarado obsoleto em março do mesmo ano. Ele era tão pouco confiável que a piada era que as águas do Caribe estavam infestadas de Snarks.

Até que em 1956 aconteceu isto:

snark-1

Um Snark foi lançado em direção ao Atlântico, deveria seguir por um tempo e depois começar uma rota retangular, quando seria avaliado e examinado por vários navios na área. Só que o cérebro eletrônico (para usar termos da época) decidiu se rebelar e seguiu em linha reta, em direção ao Brasil. Em algum lugar do Nordeste, ou para os gringos, “Amazônia”.

Estranhamente o acidente não foi classificado como secreto, foi divulgado e o governo brasileiro devidamente informado. Até prometemos mandar um grupo de buscas atrás do míssil.

Isso claro não aconteceu, afinal aqui é Brasil. O Snark só foi encontrado, por acaso em 1983 na Serra do Mutum, Maranhão.

91c4d166f10c6d4506cb6616bbb861871a88e54124f171ecf456ee5ea24c53d2

O Snark foi um fiasco tão grande que os russos nem mandaram uma expedição pra procurar o bicho, que ficou 26 anos abandonado no meio do mato, um lugar tão remoto que não acho nem no Google Earth. Sério, eu sei que #VEJA_MENTE mas a única Serra do Mutum que achei fica na Bahia, a 100 km de Salvador. Acho que a Veja usou o sistema de navegação do Snark pra se localizar.

O míssil claro não carregava nenhuma ogiva, mas trazia algo muito mais importante, algo que ignoramos e desprezamos. Se o Brasil tivesse realmente iniciativa teria caçado o Snark, examinado estudado e ele seria a base de nossa indústria aeroespacial.

Nossa história poderia ser completamente diferente, seria o equivalente a fazer engenharia reversa em tecnologia alienígena da Área 51. Somente agora estamos lançando nosso primeiro míssil de cruzeiro, isso poderia ter acontecido quando o Cruzeiro ainda valia alguma coisa. Infelizmente para isso é preciso ter visão.

Fonte: comentário do Carlos Quaglio neste post.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários