Meio Bit » Mundo Estranho » Funcionário deficiente rouba smartphones da Samsung para pagar dívidas de jogo

Funcionário deficiente rouba smartphones da Samsung para pagar dívidas de jogo

Aconteceu na Pior Coreia: funcionário da Samsung contratado através do programa para deficientes roubou e pretendia vender mais de 8 mil dispositivos móveis para cobrir parte de suas dívidas de jogo.

3 anos atrás

samsung

Esse é mais um daqueles causos que você pensa que é absurdo demais para ser verdade, mas o fato é que pilantras existem em todas as formas e a Samsung acaba de descobrir isso. Um funcionário da matriz sul-coreana foi preso com 8.474 smartphones roubados, que ele tentava vender para sanar boa parte de suas dívidas com jogos.

O ponto principal: o funcionário em questão é deficiente físico, se locomove com uma cadeira de rodas.

O tal ladrão de smartphones, identificado apenas como Lee foi contratado em 2010 através do programa de empregos para pessoas com deficiência, e alocado na sede da Samsung em Suwon, na província de Gyeonggie. Seu trabalho era manter dispositivos móveis utilizados pelos desenvolvedores para testes internos em boas condições, e por isso mesmo ele tinha acesso facilitado a diversos aparelhos que apesar de não serem as versões finais que vão para o mercado, ainda podem ser úteis nas mãos de usuários.

A Samsung começou a suspeitar que alvo estava errado quando uma série de smartphones voltados para uso interno estavam sendo comercializados no Vietnã, e levou o caso à polícia em dezembro último. A investigação acabou por levar os oficiais diretamente até Lee, que conseguia malocar os aparelhos para fora da empresa e vendê-los a um intermediário (será que ele os escondia na cadeira de rodas?); este tratava de preparar os dispositivos para serem comercializados normalmente.

Segundo a polícia Lee conseguiu roubar um montante de smartphones equivalentes a US$ 711 mil de 2014 até então, mas ele não lucraria muito com eles: a investigação revelou que o funcionário pilantra possui dívidas de jogo acumuladas que chegam a um valor de US$ 800 mil. Como ele conseguiu dever tanto dinheiro assim, no entanto não foi explicado.

Agora Lee ficará sem o emprego, responderá pelo roubo de smartphones e ainda terá uma senhora conta para pagar. Pense numa pessoa com problemas.

Fonte: The Investor.

relacionados


Comentários