Meio Bit » Filmes e séries » Big Bug: novo filme do diretor de Amélie Poulain para a Netflix

Big Bug: novo filme do diretor de Amélie Poulain para a Netflix

O próximo filme do diretor de Amélie Poulain, Jean-Pierre Jeunet, se chama Big Bug, e será uma comédia sci-fi com robôs que se rebelam contra humanos

33 semanas atrás

O veterano diretor francês Jean-Pierre Jeunet está preparando seu próximo filme, Big Bug, que tem uma proposta bem curiosa e diferente, e que será lançado pela Netflix. A sinopse básica é que se trata comédia sobre inteligência artificial e robôs.

Jean-Pierre Jeunet vai voltar com Big Bug

A trama gira em torno de uma família nos subúrbios de Paris em um futuro no qual uma rebelião de robôs tomou as ruas. A família acaba sendo presa em casa por seus próprios robôs, que bem intencionados, querem impedir eles de serem mortos pelos andróides malvados que estão no poder.

Em sua brilhante carreira, Jeunet já fez praticamente de tudo, desde o seu começo no cinema francês com os ótimos Delicatessen e Ladrão de Sonhos (La cité des enfants perdus), passando por uma boa sequência de Alien (Alien - A Ressurreição) até atingir seu ponto alto com o excelente O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, no qual Audrey Tautou brilha muito no papel título.

Big Bug está sendo escrito por Guillaume Laurant, e será o primeiro longa de Jeunet desde Uma Viagem Extraordinária (The Young and Prodigious T.S. Spivet) de 2013, um filme também escrito por ele e Laurant, assim como Amélie Poulain. A longeva parceria entre os dois começou em 1993 com Ladrão de Sonhos.

Esse é o primeiro projeto de Jeunet com a Netflix, mas não será o único, já que ele está trabalhando em uma série Le Sens Du Désir, a qual ele pretende se dedicar assim que finalizar seu filme sobre robôs.

Em uma entrevista ao Deadline, o vice-presidente de filmes internacionais da Netflix, David Kosse falou sobre a estratégia da empresa para o mercado global, e garantiu que Jeunet está bem empolgado em trabalhar com a gigante do streaming, pela oportunidade de ter o seu filme visto globalmente. Fica a nossa torcida pra que Big Bug seja um bom filme, e que Jeunet não passe mais tanto tempo se dirigir novos projetos.

relacionados


Comentários