Meio Bit » Ciência » Agora vai! A NASA seleciona empresa para construir hotel espacial

Agora vai! A NASA seleciona empresa para construir hotel espacial

A Axiom foi selecionada pela NASA e dará prosseguimento a seu projeto: construir um puxadinho na Estação Espacial Internacional e abrir um hotel espacial

24 semanas atrás

O espaço não é um lugar legal, ele é escuro, frio, ninguém escuta quando você grita nele e pra piorar, é caro pra burro. Essa última parte, ao menos, tem jeito e um dos meios para financiar empreendimentos espaciais é ir aonde o dinheiro está, e pouca área dará tanta grana quanto um hotel espacial.

Há um senso que hoje vivemos a Era de Ouro dos nerds, que geeks como Elon Musk e Paul Allen ao invés de gastar dinheiro com cavalos lentos e mulheres rápidas, como seus colegas de antigamente, agora investem em tecnologia, pesquisa espacial e com isso acabam financiando o progresso.

Charles Simonyi, um dos bilionários da Microsoft em 2007 se tornou o primeiro turista espacial, passando dez dias na Estação Espacial Internacional. Em 2008 ele pagou mais uma vez o preço exorbitante da passagem (no total ele pagou US$ 60 milhões pelas duas viagens) e voltou ao espaço, completando um total de 26 dias em órbita.

US$ 60 milhões é o preço de um lançamento completo do Falcon 9, ou seja: um turista já banca a viagem pra galera toda que a NASA precise levar.

É de olho nesse mercado que a Axiom Space está planejando construir e lançar vários módulos habitacionais, que se acoplariam à Estação Espacial, mas funcionariam de forma independente, a NASA cobraria por água, luz, internet, gatonet, etc, e a Axiom cuidaria do resto.

Projetos assim há aos montes, metade são picaretas, metade são ingênuos, mas a Axiom Space foi selecionada pela própria NASA, entre várias empresas que submeteram propostas para o programa de uso comercial da Estação Espacial Internacional.

O projeto é agregar inicialmente um módulo com possibilidade de crescimento. No futuro mais empresas poderão se acoplar à estrutura, formando uma simpática favelinha no espaço, e quando a ISS chegar ao fim de sua vida útil, a estação comercial apenas se desacoplará e seguirá independente.

A Axiom tem 60 funcionários e seu CEO é Michael T. Suffredini, ex program manager da Estação Espacial Internacional, a equipe aliás é cheia de ex-NASAs e ex-terceirizados da NASA. Para o projeto do módulo-hotel, contrataram Philippe Starck, um designer daqueles bem famosos, que criou um interior... interessante.

É tipo uma cela de maluco em hospício de filme, toda acolchoada pro hóspede não meter a cabeça num enterócito, ou seja lá qual o equipamento que vão instalar no hotel espacial. Tem um janelão, afinal o cara paga pela vista, e muitas telas, além de WI-FI e imagino, um banheiro com porta.

A previsão é que o primeiro módulo seja lançado no segundo semestre de 2024. Cada temporada de dez dias no hotel espacial custará US$ 55 milhões, mais US$ 1 milhão pelo treinamento em terra, US$ 13,95 pela cópia do NASA Sutra no Kindle e US$ 18 pelo álcool gel, mas é pack com quatro.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários