Meio Bit » Games » Horizon: Zero Dawn será lançado para PC

Horizon: Zero Dawn será lançado para PC

Sony confirma a chegada do Horizon: Zero Dawn ao PC e com isso pode ter dado início a uma nova era para a empresa, onde os exclusivos perderão força

21 semanas atrás

E aquilo que parecia bom demais para ser verdade acabou sendo confirmado pela Sony: a partir do nosso próximo inverno, todos que tinha vontade de jogar o Horizon: Zero Dawn e não possuíam um PlayStation 4 poderão fazer isso no PC. Porém, ainda mais importante que o fim dessa exclusividade, é a possibilidade de que a chegada do jogo à nova plataforma (inclusive já com página no Steam) pode marcar o início de uma mudança numa antiga estratégia da fabricante japonesa.

Horizon: Zero Dawn

Desenvolvido pela Guerrilla Games e lançado para o PS4 em fevereiro de 2017, o jogo conquistou muitos admiradores por nos colocar num belíssimo mundo aberto pós-apocalíptico. Com um bom enredo, gráficos muito bonitos e uma jogabilidade bastante divertida, o Horizon: Zero Dawn vendeu mais de 10 milhões de cópias e a partir do nosso próximo verão a chegado ao PC deverá fazer com que esse número se torne consideravelmente maior.

O anúncio foi feito por Hermen Hulst em uma entrevista ao PlayStation Blog, na qual o ex-diretor da desenvolvedora e agora chefe do PlayStation Worldwide Studios falou não só sobre esta adaptação, mas também sobre a possibilidade de outros exclusivos da empresa chegaram aos computadores.

Penso que seja importante estarmos abertos à novas ideias de como introduzir mais pessoas ao PlayStation e mostrar às pessoas o que talvez elas estejam perdendo. E para talvez tranquilizar alguns, lançar um título first-party AAA não necessariamente significa que todos os jogos a partir de agora sairão para PC. Na minha mente, o Horizon Zero Dawn apenas se encaixou neste exemplo em particular. Nós não temos planos para a data [do lançamento para PC] e continuamos 100% comprometidos ao hardware dedicado.

O comentário feito por Hulst pode ser encarado como um balde de água fria naqueles que estão esperando por versões para PC de títulos como o último God of War, o Gran Turismo Sport ou o Marvel's Spider-Man. Para mim, talvez estes jogos realmente nunca apareçam numa plataforma que não seja da Sony, mas neste caso prefiro ver o copo meio cheio.

Basta lembrarmos que só recentemente vimos o lançamento no PC de títulos como o Beyond: Two Souls ou o Detroit: Become Human, isso sem falar na confirmação de que o Death Strading aparecerá ainda este ano na plataforma. Até a Media Molecule admitiu que seria ótimo ver o Dreams chegar aos computadores e recentemente uma vaga de emprego acendeu o rumor de que o The Last of Us Part II trilhará o mesmo caminho do Horizon: Zero Dawn.

Tudo isso serve como indícios de que se outrora investir na criação de exclusivos foi uma das principais estratégias da Sony para vender seus consoles, hoje a companhia não estaria enxergando o mercado da mesma maneira. Pode até ser que a postura da Microsoft na atual geração tenha influenciado os japoneses neste sentido, mas o curioso é que não faz muito tempo a Gigante de Redmond afirmou que futuras criações dos seus estúdios não deverão aparecer nem outras plataformas.

Resta saber se a ideia de vender serviços e não somente um videogame se tornará padrão na Sony, mas apesar de continuar achando que os jogos exclusivos são os grandes diferenciais dos consoles, não posso dizer que ficarei triste caso eles venham a se tornar cada vez mais raros.

relacionados


Comentários