Meio Bit » Games » Diretor de Cannibal Holocaust fará game baseado no filme

Diretor de Cannibal Holocaust fará game baseado no filme

Dirigido por Ruggero Deodato, vem aí um jogo que servirá como continuação para um dos filmes mais polêmicos de todos os tempos, o Cannibal Holocaust

24 semanas atrás

Em 1980, o diretor italiano Ruggero Deodato chocou o mundo. Ao lançar um pseudo-documentário que mostrava quatro americanos que vinham à Floresta Amazônica e acabavam sendo capturados por uma tribo antropófaga local, Cannibal Holocaust se tornou um dos filmes mais polêmicos de todos os tempos.

Cannibal Holocaust

Feito no estilo “gravações perdidas” que anos depois voltou a ganhar força com filmes como A Bruxa de Blair, Atividade Paranormal e [REC], aquela produção tinha como objetivo criticar a maneira como a violência era tratada pela TV italiana, principalmente ao dizer que uma rede local havia se interessado em exibir os filmes que foram encontrados por uma segunda equipe de gravação.

Porém, o que transformou o Cannibal Holocaust em um fenômeno foi o grau de realismo presente nas filmagens. A maneira como o diretor retratava a violência foi tão convincente, que logo após a primeira exibição um juiz exigiu que o filme fosse recolhido e Deodato preso, sob a acusação de obscenidade. Depois o diretor ainda teria que responder por crueldade contra animais e até por múltiplos assassinatos em primeiro grau.

Curiosamente, de certa forma toda essa polêmica era esperada, já que durante a produção os atores tiveram que assinar um contrato onde se comprometiam a desaparecer por um ano após o lançamento de Cannibal Holocaust, para assim reforçar a ideia de que realmente haviam sido mortos. No entanto, para evitar que o diretor fosse preso, no dia da audiência Carl Gabriel Yorke, Francesca Ciardi, Perry Pirkanen e Luca Barbareschi compareceram à corte italiana e provaram que foi tudo encenado.

Ainda assim, o filme foi banido na Itália, Estados Unidos, Austrália e diversos outros países, o que consequentemente o transformou em um dos maiores cults do cinema de terror. Então, quando ninguém mais lembrava deste clássico, surge a inusitada notícia de que ele será transformado em um jogo.

Funcionando como uma continuação para o famigerado filme, o que sabemos por enquanto é que o game chamado Cannibal será um adventure onde controlaremos diferentes personagens que embarcaram em uma expedição às florestas de Bornéu. Infelizmente não foram revelados maiores detalhes sobre o enredo, mas é certo que podemos esperar muita violência e situações desconfortantes.

Produzido pela Fantastico Studio, mas com roteiro e direção do próprio Ruggero Deodato, o jogo está sendo feito na engine Unity e tem previsão de chegar em novembro de 2020 ao PC, PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch e dispositivos mobile.

Experimentar é uma das coisas que considero mais fundamentais neste campo. O que realmente me interessa é me testar, tentar algo novo,” afirmou o diretor. “Talvez também seja por isso que esperei tanto tempo para retornar ao mundo da floresta e dos canibais.

Pois confesso que mesmo adorando jogos e filmes de terror, não sei se teria estômago para jogar algo como o Cannibal Holocaust. Eu até acho que este jogo nunca conseguirá ser tão explícito quanto aquele pseudo-documentário, mas estou bastante curioso para ver até onde Deodato conseguirá ir para explorar a violência num game.

Fonte: GameRant

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários