Meio Bit » Entretenimento » Brothers in Arms será transformado em série para TV

Brothers in Arms será transformado em série para TV

Trazendo histórias da Segunda Guerra que não foram contadas antes, série de TV Brothers In Arms será baseada na famosa franquia de jogos da Gearbox

14 semanas atrás

A última vez que a franquia Brothers in Arms recebeu um novo capítulo foi lá em 2008, com o excelente Hell's Highway. Três anos depois até tivemos o anúncio do Furious 4, que nunca chegou a ser lançado e apesar da marca ter perdido sua força, agora chega a informação de que a Gearbox Software encontrou interessados em produzir uma série de TV baseada nela.

Brothers in Arms

Para esta produção, a desenvolvedora entrou em acordo com a Marla Studios, empresa formada pelo ex-CEO da Ubisoft Motion Pictures, Jean-Julien Baronnet e cuja intenção desde a fundação sempre foi trabalhar com a adaptação de jogos eletrônicos. Agora, além de uma série sobre o Brothers in Arms, o estúdio ainda tem projetos relacionados as franquias Talking Tom e Duke Nukem.

Quanto a esta nova série, ela terá como showrunner Scott Rosenbaum, que no currículo tem obras como Gang Related e Queen of the South. No entanto, ele sempre será lembrado por ter comandado The Shield, por onde venceu o Emmy Awards em 2002 e o Golden Globe Awards no ano seguinte.

Estou honrado por me juntar a linha de frente deste projeto e ansioso para criar uma experiência emocional em torno de um título que significa tanto para a Gearbox,” declarou Rosenbaum. “O que me atraiu para esta série foi que ao mesmo tempo em que é efetivamente um programa sobre guerra, a série na verdade é sobre histórias incríveis de homens e mulheres comuns, de soldados e grupos de resistência, a civis locais que são confrontados e superam dificuldades impossíveis, situações extraordinárias.

Além disso, é incrivelmente empolgante poder trazer para o público essas histórias secretas e desconhecidos, histórias com as quais o público ficará bastante chocado por não ter ouvido antes.

Assim como vimos nos jogos da franquia, a série também será inspirada em eventos reais acontecidos durante a Segunda Guerra Mundial, com os primeiros episódios falando sobre a operação Exercise Tiger. Funcionando como um enorme ensaio para o Dia-D, ela acabou dando muito errado, com as falhas de comunicação resultando em mortes causadas por fogo amigo e um comboio aliado tendo sido atacado por um barco de patrulha nazista, o que deixou um saldo de 749 mortos.

Como a história precisou ser encoberta para proteger a invasão da Normandia, ela permaneceu desconhecida por muitos anos e nunca foi recriada em filmes ou séries. A ideia então será contar a missão de oito soldados que precisarão resgatar seu coronel dos nazistas, com o enredo abordando personagens dos dois lados do conflito.

Rosenbaum, ainda afirmou que quase tudo relacionado à Segunda Guerra que chegava a ele era muito parecido e que por isso, quando a Gearbox entrou em contato e ele aprendeu "sobre Exercise Tiger e a série sobre todos os documentos confidenciais da guerra", o projeto se tornou muito empolgante. Para o criador do programa, Brothers in Arms lhe permitirá contar os efeitos da guerra em militares e civis tanto do eixo quanto dos aliados. Já Baronnet afirmou que o fato deles se basearem em histórias confidenciais fará com que a série se destaque de outros projetos baseados na Segunda Guerra. Segundo este, o foco desta adaptação será na “irmandade”.

Apenas mais um dia em Brothers In Arms: Hell's Highway

Bom, tenho que confessar que num primeiro momento não consegui ver muito sentido na existência desta série, mas ao saber da empolgação e da experiência dos envolvidos, mudei um pouco de opinião. Por gostar tanto de qualquer coisa relacionada a aquele período, será interessante ver a maneira como esse pessoal voltará ao assunto e por se tratar de histórias que não foram contadas anteriormente, estou curioso para conhecer essas missões.

O que é muito difícil é olhar para essa adaptação e não lembrar de Band of Brothers, a espetacular série de Tom Hanks e Steven Spielberg, e que por sinal serviu como inspiração para o Brothers in Arms: Road to Hill 30. O problema aí é que as comparações serão inevitáveis e se eu tivesse que apostar, diria que eles não conseguirão superar aquela obra, talvez nem chegar perto de toda a sua genialidade.

Mas tudo bem, desde que a série tenha um bom nível e consiga colocar a franquia de volta em evidência, acho que ela já terá cumprido o seu papel. E eu não sei você, mas deu até vontade de jogar o Hell's Highway mais uma vez.

Fonte: The Hollywood Reporter.

relacionados


Comentários