Meio Bit » Mobile » Google libera SDK baseado em Unity para o Cardboard

Google libera SDK baseado em Unity para o Cardboard

Google encerrou desenvolvimento e suporte ao Cardboard em novembro de 2019; caberá à comunidade desenvolver projetos novos

27/05/2020 às 10:30

O Google Cardboard é passado para Mountain View. A companhia descontinuou o desenvolvimento da plataforma de Realidade Virtual para celulares em novembro de 2019, mas ao menos abriu o código-fonte para a comunidade. Agora, o SDK baseado em Unity também foi liberado, para que desenvolvedores independentes continuem a criar novos apps por conta própria.

Google Cardboard

O desencanto do Google com RV veio de uma vez só: em outubro de 2019, a gigante interrompeu a venda dos headsets da linha Daydream e o suporte à plataforma nos celulares da linha Pixel 4. No mês seguinte, foi a vez do SDK, que o alimentava e também ao Cardboard, ser derrubado do telhado. A decisão veio anos depois do Project Tango, que usava Realidade Aumentada e visão computacional, ser encerrado.

Vale lembrar que o Google foi a última empresa a pular fora do barco do RV em celulares: a Samsung desistiu pouco tempo antes, ao lançar os Galaxy Note 10 e 10+ sem suporte ao Gear VR, que foi descontinuado. O foco se voltou para a Realidade Mista, tecnologia que a Microsoft terceiriza para a produção de HMDs por empresas parceiras.

De qualquer forma, o Google Cardboard é um produto bastante simples e que possui grande apelo principalmente no meio educacional: primeiro, o SDK é compatível com Android e iPhone; segundo, o HMD composto de papelão, velcros, elásticos, arruelas e lentes biconvexas assimétricas com distância focal de 45 mm é muito barato, não passando de R$ 40, e você pode montar o seu em casa.
Google Cardboard / google daydream

Exatamente por isso, o Google decidiu abrir o desenvolvimento do Cardboard para a comunidade: em novembro o código-fonte da plataforma passou a ser open source, com todas as bibliotecas necessárias para o desenvolvimento de apps e experiências em Realidade Virtual. Basicamente, o Google disse "toma que o filho é seu" para a comunidade.

A segunda parte da promessa de liberar tudo está chegando agora: o Google liberou a SDK do Cardboard baseada em Unity, uma plataforma extensamente usada para experiências em 3D e XR (eXtended Reality, ou Realidade Estendida). Ele pode ser baixado tanto pelo GitHub, quanto pela Unity Asset Store.

Dessa forma, o desenvolvedor independente terá à sua disposição todas as ferramentas necessárias para desenvolver novas aplicações de RV para o Google Cardboard e compartilhá-las como achar melhor, sem gastar um centavo para isso. Esta é uma iniciativa interessante principalmente para escolas, sejam voltadas a crianças ou usuários começando a se envolver com programação e desenvolvimento.

De qualquer forma, é um destino muito melhor do que simplesmente enterrar o SDK e o Cardboard no cemitério do Google.

Com informações: Google

relacionados


Comentários