Meio Bit » Games » PlayStation Studios: novidades, adiamentos e jogos no PC

PlayStation Studios: novidades, adiamentos e jogos no PC

Chefe do PlayStation Studios reforça interesse da Sony no PC, mas garante que jogos da empresa não chegarão simultaneamente na plataforma e nos consoles

17 semanas atrás

Com o Horizon: Zero Dawn e o Days Gone tendo registrado boas vendas no PC e considerando o suposto vazamento de que o Uncharted 4: A Thief's End seguirá pelo mesmo caminho, muitas pessoas têm se perguntado até onde vai o interesse da Sony pela plataforma. Seria muito bom se passássemos a ver os títulos da empresa japonesa sendo publicados simultaneamente nos computadores e nos consoles, mas pelo jeito isso não está nos planos do pessoal do PlayStation Studios.

Days Gone - PlayStation Studios

Crédito: Divulgação/Bend Studio

Ao conceder uma entrevista para o blog da marca, o chefe do PlayStation Studios fez diversas revelações interessantes sobre o futuro da editora, entre elas a maneira como estão tateando este novo mercado. Reconhecendo o interesse das pessoas que estão fora do ecossistema PlayStation, Hermen Hulst afirmou:

Quero salientar que o PlayStation continuará sendo o melhor lugar para jogar os títulos do PlayStation Studios na data de lançamento. Mas valorizamos os gamers de PC, com certeza, e continuaremos analisando os momentos certos para lançar cada jogo. O Bend Studio acabou de lançar a versão de Days Gone para PC em 18 de maio. Ou seja, cerca de dois anos após o lançamento da PS4.

E espero que um novo grupo de fãs possam curtir esse título. Essa é a meta: queremos alcançar novos gamers que ainda não curtiram as grandes histórias, personagens e mundos que criamos. O lançamento de jogos no PC nunca ocorrerá em detrimento da criação de uma seleção empolgante de jogos para console.

Portanto fica claro que, pelo menos por enquanto, a ideia da Sony é utilizar os títulos que produz para fortalecer seus consoles e, uma vez que o interesse por eles tenha diminuído, permitir que um número muito maior de pessoas (leia-se, que costumam jogar no PC) tenham acesso a o que antes era exclusivo. Este longo tempo para a disponibilização nos computadores pode não ser o ideal, mas ainda acredito que é melhor termos acesso a um jogo vários anos depois, do que não ter acesso algum.

O que me incomoda nesta estratégia foi ter visto, tanto no caso do Horizon: Zero Dawn, quanto no do Days Gone, tais jogos terem chegado ao PC com preços bem salgados. Hoje ambos podem ser adquiridos por R$ 200, sendo que suas versões digitais para o PlayStation 4 normalmente saem por R$ 99,50 e R$ 159,90, respectivamente.

Quanto a o que poderá aparecer no PC no futuro, Hulst não deu nenhuma dica, mas o PlayStation Studios possui muitos jogos interessantes no seu catálogo e imagino o esforço que aquele pessoal deve estar fazendo para decidir no que apostar. Considerando apenas o que saiu na geração passada, podemos citar o The Order 1886, Resogun, Until Dawn, Erica ou Concrete Genie; isso para não entrar naqueles tão identificados com a marca PlayStation, como God of War, Ratchet & Clank, inFAMOUS First Light, The Last Guardian, Bloodborne e o próprio Uncharted 4.

Também vale mencionar uma parte da entrevista em que o executivo disse que no momento, 25 jogos estão sendo desenvolvidos pelo PlayStation Studios, sendo que quase metade desse número se trata de novas franquias. É possível então que alguns deles eventualmente deem as caras no PC, mas até isso acontecer, ainda teremos que esperar um bom tempo.

Já para aqueles que aguardam algo mais concreto, no caso o lançamento do Gran Turismo 7 e o próximo God of War (que aparentemente não se chamará Ragnarok), Hermen Hulst fez uma revelação que desagradou algumas pessoas. Segundo ele, os jogos serão lançados tanto para o PlayStation 5 quanto para o seu antecessor, o que alguns defendem que poderá fazer com que as versões para o novo console sejam prejudicadas.

Quando faz sentido desenvolver um título tanto para o PS4 quanto PS5, seja Horizon Forbidden West, o próximo God of War ou GT7, continuaremos fazendo isso. E se os donos de PS4 quiserem jogar o jogo em questão, eles podem. Se eles quiserem jogar a versão para PS5, ela também estará disponível.

Outra notícia que deverá desapontar os mais ansiosos é o fato que, devido a maneira como os estúdios foram afetados pela pandemia, ambos os jogos tiveram suas datas de lançamento adiadas para algum dia de 2022.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários