Meio Bit » Mobile » Demanda por aparelhos 5G faz a Apple crescer na Ásia

Demanda por aparelhos 5G faz a Apple crescer na Ásia

Demanda por aparelhos 5G impulsionam receita da Apple na Ásia, segundo o relatório financeiro do Q3 FY 2021 (findo em jun 21).

27/07/2021 às 19:00

A Maçã de Cupertino acaba de apresentar o relatório financeiro do terceiro trimestre fiscal de 2021 (Q3 FY 2021), período que correspondeu ao segundo trimestre civil deste ano, abrangendo os meses de abril a junho. Apesar de ser um período normalmente fraco em relação às vendas no ocidente, a demanda por modelos 5G dos iPhones aumentou bastante na civilização, em especial na Ásia.

Laguna-Apple-Store-Palo-Alto-new-asia-furniture

Graças ao 5G, vendas da Apple na Ásia crescem após pandemia (crédito: MacRumors)

Vamos aos números:

RELATÓRIO FINANCEIRO DA APPLE
Período → Q3 FY 2020
(abril a junho de 2020)
Q3 FY 2021
(abril a junho de 2021)
Diferença
Receita US$ 59,69 bilhões US$ 81,43 bilhões + 36,44%
Lucro US$ 11,25 bilhões US$ 21,74 bilhões + 93,23%

O terceiro trimestre fiscal da Apple é quase sempre o mais fraco: o povo na civilização se segura para só comprar os novos lançamentos, disponibilizados normalmente em setembro. A receita da Maçã ficar na marca dos oitenta bilhões de dólares no segundo trimestre civil do ano é ainda um belo feito!

As variantes da terrível pandemia de COVID-19 não impediram a Maçã de Cupertino de divulgar hoje (27/07) os principais dados financeiros nos três meses terminados em 26 de junho de 2021. O tio Laguna se pergunta quando a contabilidade da empresa vai incluir os dias ausentes para coincidir com o trimestre civil (eu sei).

Com base no lucro divulgado, podemos constatar que a Apple lucrou US$ 238,95 milhões diariamente nas 13 semanas que compõem o período divulgado, arrecadando em média US$ 894,88 milhões por dia. É uma arrecadação maior que a do período equivalente de 2020, representando essa bela alta de 110% no lucro em relação a tal período do ano passado.

Vejamos quanto cada linha principal de produtos da Apple arrecadou:

SUMÁRIO DE RECEITAS DA APPLE
Período → Receita
Q3 FY 2020
Receita
Q3 FY 2021
diferença
em relação a
Q3 FY 2020
iPhone US$ 26,42 bilhões US$ 39,57 bilhões + 49,78%
Mac US$ 7,08 bilhões US$ 8,24 bilhões + 16,33%
iPad US$ 6,58 bilhões US$ 7,37 bilhões + 11,94%
vestíveis e acessórios US$ 6,45 bilhões US$ 8,78 bilhões + 36,05%
assinaturas US$ 13,16 bilhões US$ 17,49 bilhões + 32,91%
TOTAL: US$ 59,69 bilhões US$ 81,43 bilhões + 36,44%

É, podemos ver que o lançamento de versões 5G do iPhone 12 pode ter influenciado positivamente a receita da Maçã de Cupertino mesmo nesse período considerado fraco. Aumento de 50% de receita em relação ao Q3 FY 2020.

Apesar do lançamento dos novos iPad Pro em abril, que podem custar até R$ 30 mil no Brasil, a empresa teve problemas para suprir a demanda das novas telas mini-LED do modelo maior. Mesmo assim, globalmente a Apple viu a arrecadação da linha de tablets crescer 12% no tímido terceiro trimestre fiscal.

5G na Ásia

O continente asiático por si só arrecadou US$ 26,621 bilhões no segundo trimestre civil de 2021. A arrecadação da Apple na Ásia viu portanto uma alta de 43,94% em relação ao período equivalente de 2020 (US$ 18,494 bilhões no Q3 FY 2020). Podemos culpar o lar da maior rede de antenas 5G do mundo, a China.

Com US$ 14,76 bilhões dos US$ 26,6 bi, a China representou mais de 55% da arrecadação da Maçã na Ásia, conseguindo o dobro da arrecadação da Apple no Japão (US$ 6,46 bilhões) no Q3 FY 2021. O País do Meio arrecadou bem próximo do valor arrecadado na Europa (US$ 18,94 bi), mas China e Europa ainda não bateram juntas o continente americano (US$ 35,87 bi).

Até por respeito à situação de pandemia, que persiste em certas regiões de barbárie negacionista, a Apple preferiu não fazer previsões sobre o resultado do Q3 FY 2021 mas especialistas da área financeira já aguardavam um belo aumento da receita. E talvez atraso no lançamento do iPhone 13 devido à recente crise dos semicondutores.

Como a empresa que vale US$ 2,45 trilhões não divulga mais dados de vendas unitárias de seus produtos, nem muito menos quanto eles estão vendendo em cada região do planeta no trimestre menos rentável, apenas podemos dizer que a Apple possui muito a crescer no mercado asiático. E a demanda pelos aparelhos 5G só tende a aumentar.

Fontes: 9 to 5 Mac e Bloomberg.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários