Meio Bit » Hardware » Soundbar LG SP9A: som potente não tão envolvente — Review

Soundbar LG SP9A: som potente não tão envolvente — Review

A LG SP9A é uma boa soundbar para uso geral, de filmes e esportes a games, embora o efeito surround não seja tão preciso

12/11/2021 às 13:53

A soundbar SP9A faz parte da geração atual de dispositivos de áudio da LG, e é o modelo de ponta de sua categoria, com 5.1.2 canais. Indicada para uso com TVs, em especial as da própria fabricante, ela oferece grande compatibilidade de formatos, e uma conexão sem fios com o subwoofer, além de suporte a outros dispositivos via Wi-Fi e Bluetooth.

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Embora seja um adicional interessante para consumir filmes, esportes e games com qualidade sonora superior, a nova soundbar da LG fica devendo um pouco na imersão de ambientes, que ela tenta driblar com alguns truques, e no preço um tanto alto.

Eu testei a soundbar LG SP9A por três semanas e conto o que achei dela a seguir.

Nota de transparência

Desde 2004, o Meio Bit publica análises opinativas com o intuito de ajudar os leitores a tomarem sua própria decisão de compra, seja de um gadget, um game ou um serviço/software/app. Nós somos francos em nossas opiniões e destacamos pontos positivos e negativos de igual maneira, não importando a natureza dos produtos, de modo a manter a integridade e transparência do site.

Ninguém externo à redação do Meio Bit teve acesso a este review de forma antecipada, bem como não houve qualquer tipo de interferência, pagamento ou direcionamento da LG, ou de terceiros, em relação ao seu conteúdo.

A soundbar SP9A foi fornecida pela LG como doação e não será devolvida à empresa.

Design, conexões e controle remoto

O corpo da soundbar é construído principalmente em plástico , com uma grelha de metal que se estende da frente até as laterais, e mais duas circulares no topo. Com cerca de 1,20 m de comprimento e pouco mais de 6 kg, ela não é exatamente um item para ficar levando de lá para cá. Seu comprimento deixa claro que ela é voltada para uso principalmente com TVs.

O subwoofer, que acompanha o kit, pesa mais de 7 kg e também possui um corpo em plástico, com um tecido cobrindo a frente e as laterais.

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Na parte das conexões físicas, a SP9A é bem comedida. Ela conta com uma saída HDMI com suporte a ARC e eARC, especificamente para uso com televisores, e que suporta as mais avançadas tecnologias de áudio. Há também uma entrada HDMI para outros dispositivos, como consoles de videogame, em que a soundbar pode ser usada como um hub.

A porta óptica também está presente, e é ela a conexão básica, tanto que a LG envia um cabo compatível com o kit. Para usar as portas HDMI, o usuário terá que adquirir os cabos por conta própria.

Por fim, há uma porta USB 2.0 para conexão física de outros dispositivos, voltada à execução de áudio local.

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

O subwoofer conta apenas com a porta para o cabo de energia, a conexão entre ele e a SP9A é feita via Bluetooth de Baixa Energia (BLE). Por padrão, ambos se reconhecem quando ligados e se conectam automaticamente, mas caso isso não aconteça (o LED na traseira do subwoofer ficará vermelho, ao invés de verde), é possível fazer o processo manualmente.

O controle remoto, por sua vez, é bem simples. Ele permite ajustar as funções do equalizador, ligar o Bluetooth, trocar os efeitos de acordo com o tipo de conteúdo reproduzido, selecionar a forma de conexão e fazer ajustes nas configurações. O volume pode ser controlado por ele ou pelo controle universal da TV, se compatível, ao ativar o recurso no display.

O controle remoto é bem básico (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

O controle remoto é bem básico (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

O conjunto como um todo é bem simples, até para facilitar a instalação e uso da soundbar por usuários leigos.

Qualidade de som

A instalação da SP9A é bem simples. O kit vem acompanhado de um par de suportes para fixação na parede, caso o usuário prefira usar o gadget dessa forma, ou apenas basta apoiá-lo sobre um móvel com espaço o bastante.

A posição recomendada para o subwoofer é no chão, podendo ser à direita ou à esquerda da soundbar, onde o usuário achar melhor e tiver espaço disponível.

O subwoofer se conecta à soundbar via Bluetooth (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

O subwoofer se conecta à soundbar via Bluetooth (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

No meu caso, a TV da sala de estar fica apoiada sobre o móvel, logo a soundbar ficou posicionada à frente dela, o que revelou um problema: como a C1, que é um televisor OLED, possui um suporte bem baixo, a SP9A acabou por ficar na frente da parte inferior do display, cobrindo uma pequena porção dele.

Claro que são casos e casos. O dispositivo em si possui apenas 5,7 cm de altura, logo, televisores com suportes mais altos não ficarão bloqueados pela soundbar. Outra opção é fixar ambos, TV e aparelho sonoro, na parede, mas ao menos no primeiro caso, isso implica em gastos adicionais com suportes.

A SP9A "comeu" a borda inferior da C1 (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

A SP9A "comeu" a borda inferior da C1 (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Uma vez ligada e conectada, a SP9A irá reproduzir som de acordo com o formato suportado pelo tipo de conexão usada. Ambas portas HDMI suportam Dolby Atmos, DTS:X, Dolby Digital Plus e PCM 5.1, desde de televisores compatíveis quanto de outros aparelhos ligados à entrada auxiliar, como consoles, reprodutores de Blu-ray e etc. A porta óptica por padrão suporta Dolby Digital e DTS.

Por ser uma soundbar de 5.1.2 canais, ela conta com recursos de som surround para efeitos de som envolvente em ambientes, mas o truque não funciona direito, visto que o som continuará vindo de duas caixas à frente do ouvinte. Ela faz uso dos alto-falantes laterais para criar uma espécie de "som fantasma", dando a ilusão de posicionamento de vozes e efeitos, mas ele pode não ser tão preciso. Aqui, um conjunto de Home Theater ainda entrega resultados melhores, embora seja muito mais caro.

Já as configurações pré-definidas são várias. Dependendo da fonte do áudio, o usuário pode ajustar a reprodução para estilos diversos, como filmes, esportes, games e por aí vai. Todos os comandos são visíveis no display frontal, que mostra o nível de volume, o tipo de conexão, se o Wi-Fi ou o Bluetooth estão ligados e etc.

Software, apps e extras

A soundbar LG SP9A suporta Wi-Fi de 5 GHz, e com isso, pode ser usada como um dispositivo inteligente ao se conectar com a Google Assistente e/ou Amazon Alexa. Ela também suporta Apple AirPlay e Google Chromecast, podendo ser usada como dispositivo de reprodução de músicas e podcast, via conexão sem fios.

É possível usar tanto os apps respectivos, quanto o próprio da LG para suas soundbars, disponível para iPhone e Android, e é este que traz um recurso bem interessante.

App LG Sound Bar no iPhone (Crédito: Reprodução/LG)

App LG Sound Bar no iPhone (Crédito: Reprodução/LG)

Chamado AI Room Calibration, ele roda uma série de testes de acústica, tendo como base o ambiente em que a soundbar está instalada, e ajusta as frequências para um resultado sonoro mais neutro, com um foco maior ou menor nos graves, uma espécie de perfil para todas as situações.

O usuário ainda pode ajustar manualmente cada um dos alto-falantes, desde que ele tenha tempo e conhecimento para isso, mas de cara, o recurso de calibragem é uma opção bem útil para o usuário médio, e que entrega bons resultados.

Conclusão

A soundbar LG SP9A é uma boa opção para incrementar a qualidade sonora de seu aparelho de TV, embora haja alguns caveats. O primeiro e mais sensível é o fato de que um dispositivo único, posicionado à sua frente, não conseguirá criar uma experiência de som envolvente como um Home Theater.

Ainda assim, o gadget entrega uma boa performance sonora para diversos perfis de uso, e conta com um recurso de calibração, baseado no ambiente, que pode cobrir algumas falhas.

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Soundbar LG SP9A (Crédito: Ronaldo Gogoni/Meio Bit)

Por outro lado, o preço sugerido de R$ 3.799 é um tanto alto, principalmente se levarmos em conta que alguns kits de Home Theater, também com 5.1 canais, podem custar bem menos e entregar uma imersão maior.

Claro que a maior vantagem da SP9A é sua compatibilidade com outros dispositivos, sendo um produto inteligente que suporta o uso com celulares, tablets, TVs e uma série de outros aparelhos, e que possui uma boa qualidade sonora e compatibilidade com inúmeros formatos de áudio. No entanto, dada a situação atual do mercado, é preciso pensar muito bem antes de fazer um investimento desse tipo.

Soundbar LG SP9A — Ficha Técnica

  • Modelo: SP9A;
  • Quantidade de canais: 5.1.2;
  • Potência: 520 W;
  • Tecnologias de áudio suportadas: Dolby Atmos, Dolby Digital, Dolby Digital Plus, Dolby TrueHD, DTS, DTS:X, DTS-HD MA, PCM 5.1;
  • Conexões: Apple AirPlay 2, Google Chromecast, Bluetooth 5.0, BLE, Wi-Fi 802.11b/g/n/ac e Wi-Fi Direct;
  • Portas: 1 saída HDMI ARC/eARC, 1 entrada 1 HDMI, 1 entrada óptica e 1 USB 2.0;
  • Consumo de energia: 70 W (soundbar), 38 W (subwoofer), menos de 0,5 W (standby, ambos);
  • Dimensões: 122 x 5,7 x 14,5 cm (soundbar), 22,1 x 39 x 31,3 cm (subwoofer);
  • Peso: 6,4 kg (soundbar), 7,8 kg (subwoofer).

Pontos fortes:

  • Grande compatibilidade de áudio (quando usado via portas eARC);
  • Bom ajuste de graves;
  • Recurso de ajuste de som com base no ambiente (via app) é bem útil.

Pontos fracos:

  • Preço um tanto puxado;
  • O som surround não é tão preciso e/ou envolvente.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários