Meio Bit » Games » Racing Lagoon: RPG de corrida da Square ganha localização

Racing Lagoon: RPG de corrida da Square ganha localização

22 anos após seu lançamento, um grupo de fãs conseguiu traduzir um dos jogos mais obscuros (e interessantes) da Square, o Racing Lagoon

15/11/2021 às 9:32

Apesar de durante as décadas de 80 e 90 a Square ter se tornado o principal nome quando se tratava de RPGs, isso não impediu a empresa de apostar em jogos de outros estilos para o PlayStation. Isso deu origem a títulos como Tobal No. 1 e Bushido Blade (luta), Einhänder (shoot 'em up) e aquele que acabou menos conhecido deste lado do mundo, um jogo de corrida chamado Racing Lagoon.

Racing Lagoon

Crédito: Reprodução/Square

Influenciado pelas corridas ilegais que aconteciam no Japão nos anos 80, o jogo nos colocava na pele de Sho Akasaki, um jovem piloto que entra para a equipe Bay Lagoon Racing e que assim como em muitos RPGs, buscava descobrir detalhes do seu passado esquecido.

Além da fantástica trilha sonora composta por Noriko Matsueda (Front Mission, Bahamut Lagoon, Final Fantasy X-2) que misturava jazz com techno, aquilo que diferenciava o título dos outros jogos de corrida era a utilização de elementos de RPGs. Nos permitindo andar livremente pelo mapa e desafiar outros corredores, existia um sistema de evolução e muitas cenas não-interativas repletas de conversas.

Mas apesar de ter fugido do lugar comum, Racing Lagoon não teve uma boa recepção por parte da imprensa e temendo que o jogo também não fosse bem aceito no ocidente, a Square optou por não o lançar fora do Japão. Isso fez com que a maior parte do público nunca tivesse contato com ele, mas alguns sempre desejaram conhecer a sua história, o que só se tornou mais fácil agora, 22 anos após o seu lançamento e graças ao trabalho de um grupo de fãs.

Comandado por um canadense conhecido como Hilltop, o projeto teve início há seis meses e para a surpresa de todos que acompanham as localizações feitas de maneira voluntária, a versão final já está disponível. Segundo o autor, a ideia inicial era fazer tudo sozinho, mas assim que ele anunciou o projeto algumas pessoas o procuraram para ajudar.

Eu apenas quero que as pessoas vejam este jogo. Este jogo é selvagem, este jogo é absolutamente louco. Não existe nada parecido com ele e as pessoas precisam ver isso. Penso que este jogo seja como um lindo diamante. Ele é cristal puro — nenhuma parte dele poderia realmente ser recriada.

O que despertava o interessa de alguns pelo Racing Lagoon era a maneira como o jogo recriava a forma como os japoneses amam carros. Para Syd-88, que participou da localização como consultor automobilístico, o título abordava a cultura da tunagem de maneira singular, pois enquanto um jogo como o Gran Turismo focava nas corridas legalizadas, o Tokyo Xtreme Racer não trazia a história e a linguagem única vista na criação da Square.

Já para Hilltop, grande parte do charme do enredo daquele jogo está na maneira como ele fala sobre a ocidentalização de Yokohama, cidade onde se passa a história. Com muitas palavras vistas nos letreiros estando em inglês, o texto original estava repleto de colocações que ora pareciam poeticamente sem sentido, ora soavam ridiculamente confusas.

Pois esta espécie de crítica social fez com que o processo de localização se mostrasse muito mais desafiador do que ele poderiam imaginar. Conseguir trazer para o inglês as nuances de diálogos tão bem escritos exigiu muito dos participantes, mas felizmente eles conseguiram cumprir a tarefa.

Crédito: Reprodução/Hilltop/Square

Agora, Hilltop planeja iniciar o processo de localização de outros jogos de PlayStation. Racing Lagoon foi apenas o segundo projeto deste tipo que ele encarou, com o primeiro tendo sido o Dr. Slump, um título baseado num mangá que Akira Toriyama criou antes do Dragon Ball.

Formado em ciência da computação, atualmente o sujeito trabalha com controle de qualidade em uma desenvolvedora de games e disse que encontrou na tradução uma satisfação que nenhum trabalho o proporcionou. Porém, ele admitiu que a realização de um sonho seria alguma empresa decidir relançar um jogo da época do primeiro PlayStation e o contratar para fazer a localização. Outra possibilidade seria alcançar 600 apoiadores no Patreon, o que lhe permitira se dedicar em tempo integral a novas traduções.

Caso tenha ficado interessado em testar o Racing Lagoon, o patch que deixa o título em inglês e as instruções para aplicá-lo ao jogo podem ser encontrados na página do projeto, aqui.

Fonte: PCGamer

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários