Meio Bit » Entretenimento » Moon Knight: quem é o Cavaleiro da Lua?

Moon Knight: quem é o Cavaleiro da Lua?

Cavaleiro da Lua é o personagem da nova série da Disney+, mas antes de resenhá-la, vamos conhecer um pouco da história desse personagem!

31/03/2022 às 16:59

O Cavaleiro da Lua é um daqueles personagens que todo fã de quadrinho conhece, mas fora dali ninguém nunca ouviu falar. Não por ser ruim, mas por ser difícil. Ele não é puro glamour como Batman ou Thor, não tem poderes como Super-Homem, não é simpático como o Homem-Aranha.

Sangue é o que não falta em Cavaleiro da Lua (Crédito: Marvel Comics)

Ele é um personagem complicado, moralmente complexo, sem um arco de redenção bem definido, algumas vezes ele é violento a ponto de ser sádico, além de apresentar claros problemas de ordem psiquiátrica. Sim, o Cavaleiro da Lua é doido. Zuretinha das ideias, mas não no estilo divertido do Deadpool ou na forma psicopata tradicional do Coringa.

Onde Tudo Começou

Marc Spector era um mercenário que acaba brigando com seu superior durante uma ação no Egito, deixado no deserto para morrer. Ele se arrasta até chegar no templo de Khonshu, o deus egípcio da Lua, que protege os viajantes, entre outras atribuições.

Spector é ressuscitado por Khonshu, que o transforma em seu avatar, com a missão de levar justiça aos injustiçados. Só que nessa primeira fase o Cavaleiro da Lua não tem poderes, Spector usa suas habilidades de mercenário e um monte de gadgets para combater o crime nas ruas.

Ele também cria várias identidades falsas para realizar seu trabalho. Jake Lockley é um taxista, que conhece todo mundo nas ruas e consegue tudo com seus informantes. Steven Grant é um playboy bilionário que é a fachada pública de Marc, Grant se infiltra entre os ricos e poderosos, ajudando a descobrir crimes e esquemas de corrupção.

Todo mundo está usando essa imagem. Vou usar também (Crédito: Marvel Comics)

A terceira identidade é o Cavaleiro da Lua, o Punho de Khonshu. Ele não é Marc Spector fantasiado, é outra personalidade.

Agora você deve estar pensando que o Cavaleiro da Lua lembra muito um tal de Batman, incluindo um alter-ego de playboy bilionário. Você está certo. As semelhanças entre os personagens são bem nítidas, mas os vários roteiristas conseguiram tornar o Cavaleiro da Lua único, ele só superficialmente lembra o Batman. Por dentro ele é muito mais dark.

Criado em 1975 por Doug Moench e Don Perlin, o Cavaleiro da Lua apareceu como um vilão descartável na edição 32 de Werewolf by Night, mas o visual criado do Don Perlin era tão bom que os editores da Marvel decidiram usar o personagem mais vezes, e com isso sua mitologia foi sendo mais detalhada.

As tais identidades falsas de Marc Spector gradualmente foram se tornando aspectos de sua personalidade. Marc Spector passou a sofrer de Transtorno dissociativo de identidade, uma condição bastante controversa, com raríssimos casos documentados e boa parte dos psiquiatras questionando sua existência.

Marc não exatamente esconde sua condição (Crédito: Marvel Comics)

O TDI era antigamente chamado Síndrome de Múltiplas Personalidades, a personagem Crazy Jane, em Patrulha do Destino também sobre de TDI, mas várias de suas personalidades possuem superpoderes, o que é extremamente útil. No caso de Marc Spector, o Cavaleiro da Lua só é bom de briga.

Ao contrário do mundo colorido dos super-heróis, onde ninguém tem stress pós-traumático, perda de entes queridos só afeta por duas ou três páginas e quase morrer toda semana é tranquilo, o Cavaleiro da Lua sofre bastante com seus problemas mentais, e os outros personagens reconhecem isso, não positivamente, na maioria das vezes.

Um avanço interessante nas histórias do Cavaleiro da Lua é que depois de um certo tempo acabaram com a ambiguidade. Khonshu não era mais uma possível criação da mente de Marc Spector, o antigo deus egípcio se tornou um personagem real.

O Cavaleiro da Lua não é muito bom na arte de fazer amigos (Crédito: Marvel Comics)

Cruelmente, a maioria dos heróis continua não acreditando em Marc, e seu Transtorno dissociativo de identidade agora foi causado por Khonshu, ao usar seus poderes para controlar o corpo de Marc, causando dano cerebral.

O Cavaleiro da Lua também deixou de cuidar só de bandidos de rua, e passou a enfrentar mais inimigos místicos, o que convenhamos faz mais sentido e é menos desperdício do poder de um deus.

Quanto a poderes, depende da fase, o Cavaleiro da Lua é meio de lua, e não, não vou me desculpar pelo trocadilho. Às vezes seus poderes estão ligados às fases da Lua, ele fica mais forte em determinadas épocas. Em outros arcos ele é um humano totalmente normal. Há arcos em que Khonshu dá a Marc poderes inimagináveis, a ponto de colocá-lo pau a pau com os Vingadores.

Isso ficou bonito pra caramba (Crédito: Marvel Comics)

Os melhores arcos são quando ele está sem poderes, e normalmente o único superpoder de Marc Spector é morrer de vez em quando e ser ressuscitado tempos depois, mas no Universo Marvel, fora o Tio Ben todo mundo tem esse poder.

Cavaleiro da Lua é um personagem de nicho, que sobreviveu apenas por ter um visual excelente, sendo desenvolvido por um grupo de excelentes escritores. Chris, do excelente canal Comic Tropes fez uma ótima análise do personagem e concordo plenamente com a conclusão dele: personagens obscuros dão mais liberdade aos escritores, que ousam mais e acabam produzindo ótimas histórias.

Agora Marc vai virar série do Disney+. Será que vai funcionar? Aguarde nossa resenha!

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários