Início / Notícias / Aplicativos e Software /

WebRTC faz chamadas em vídeo entre Chrome e Firefox sem o uso de plugins

Padrão aberto também suporta compartilhamento de arquivos.
WebRTC está sendo desenvolvido desde maio de 2011 pela W3C.

Paulo Higa

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Desde maio de 2011, a W3C trabalha numa API chamada WebRTC (Web Real-Time Communication), que permite o compartilhamento de arquivos e chamadas em voz e vídeo diretamente do navegador, sem necessidade de instalar plugins. Meses se passaram e o projeto evoluiu: hoje, Google e Mozilla demonstraram o WebRTC funcionando perfeitamente entre os dois navegadores.

Com o PeerConnection do WebRTC, Chrome e Firefox agora podem se comunicar entre si sem o uso de plugins, graças aos engenheiros do Google e da Mozilla, que trabalharam juntos para garantir a compatibilidade da tecnologia entre os dois navegadores. Segundo o Google, a novidade traz “voz nítida e clara, vídeo em alta definição (HD) e baixa latência de comunicação para o navegador”.

O vídeo abaixo mostra o chefe de inovação da Mozilla, Todd Simpson, conversando em vídeo com o diretor de produtos do Google Chrome, Hugh Finnan:

A comunicação é feita com o uso de várias tecnologias, como os codecs Opus e VP8 para áudio e vídeo, e o protocolo DTLS-SRTP para criptografia de dados.

Como o WebRTC está integrado ao navegador, o usuário não terá problemas com plugins instáveis (oi, Flash!) ou com falhas de segurança (oi, Java!) – tudo pode ser feito com JavaScript e HTML5. Dependendo da criatividade dos desenvolvedores, também não precisaremos mais instalar aplicativos de VoIP para fazer chamadas entre dois PCs no futuro. E o WebRTC não serve apenas para áudio e vídeo; também será possível compartilhar arquivos sem depender de um servidor.

O WebRTC já está ativado por padrão no beta do Chrome 25. No Firefox Nightly, é necessário entrar em about:config e modificar o valor de media.peerconnection.enabled para “true”. Se você é desenvolvedor e está interessado em aprender mais sobre o WebRTC, a Mozilla publicou um aplicativo de exemplo no Mozilla Hacks.

A Opera Software também está trabalhando na tecnologia e incluiu o WebRTC em seu navegador no ano passado. O Safari ainda não suporta o recurso. A Microsoft apresentou em janeiro um padrão próprio para o Internet Explorer, o CU-RTC-Web, e disse que o WebRTC estaria “longe de ser completo e estável”.

Com informações: Chromium Blog, Neowin.