Início / Notícias / Jogos /

Criador de Resident Evil diz que está difícil assustar os jogadores

Isso explica bastante coisa.

Giovana Penatti

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Se você acha que o gênero de terror está deixando a desejar nos games há um bom tempo, saiba que não está sozinho: Shinji Mikami, criador de Resident Evil, também tem essa opinião. Segundo ele, o motivo é que está difícil de assustar os jogadores.

Mikami diz que os gamers já manjam todos os clichês de terror, então sempre sabem o que vai acontecer a seguir e, por isso, está difícil fazer com que eles sejam realmente surpreendidos. Outro problema está nas continuações, que costumam trazer inimigos similares e, para manter a diversão, focam na ação.

De fato, quem acompanha a série Resident Evil percebe que o estilo mudou bastante nos últimos títulos; nosso editor-chefe Thiago Mobilon, que é mega fã da série, diz que desde RE4 não há medo real (talvez o fato de este ter sido o último que teve a participação de Mikami tenha a ver). RE6 é bem mais um jogo de ação que um survival horror – até eu, que tenho pavor do gênero, joguei.

Em The Evil Within, próximo título no qual Mikami está trabalhando e que será publicado pela Bethesda, a intenção é voltar ao gênero de terror em sua essência; há alguns meses, ele afirmou que só estava fazendo o jogo para assustar as pessoas e voltar às raízes do survival horror.

Para garantir o pânico dos jogadores, Mikami irá limitar os recursos em The Evil Within: munição será escassa e inimigos, difíceis de derrubar. Será preciso pensar – sob pressão – para sobreviver. O protagonista é um policial que vai investigar os acontecimentos bizarros de um hospício e não tem nenhum traço de imortalidade.

O que, convenhamos, também não é nenhuma novidade no gênero. Ainda assim, o gameplay consegue deixar tenso:

The Evil Within será lançado em 2014 para Xbox 360 e One, PS4 e PS3 e PC. Enquanto isso, se você quer passar um medo incontrolável em games, recomendo Outlast, indie lançado em setembro que mal consigo ver vídeo de gameplay. O horror, o horror.

Com informações: Edge, Gamespot