Início / Notícias / Internet /

Minidocumentário explora contaminações por benzeno em fábricas de eletrônicos; assista

Giovana Penatti

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A gente acompanha de perto o mercado de tecnologia e eletrônicos e adoramos conhecer as novidades, mas não podemos ignorar o lado humano por trás de cada novo lançamento. Denúncias de trabalho escravo e suicídios de trabalhadores são relativamente comuns, e, infelizmente, essas situações provavelmente ocorrem com muito mais frequência do que ficamos sabendo.

Hoje, encontramos um minidocumentário que fala sobre a contaminação por benzeno em fábricas de eletrônicos da China. Chamado Who Pays The Price?, ele procura mostrar o “custo humano” dos seus gadgets – isto é, as vidas que são comprometidas para que eles sejam fabricados.

O doc conta a história de pessoas que desenvolveram um tipo de leucemia por conta desse químico, que é proibido em boa parte do mundo, mas não na China – onde mais da metade dos eletrônicos é fabricada. Eles falam dos motivos para terem ido trabalhar nessas fábricas e não são raras as menções a pensamentos suicidas por conta do sofrimento causado pela doença.

Tem nove minutos, dá para assistir na pausa do café:

E o que você pode fazer para reverter essa situação? O próprio documentário revela que todos os eletrônicos vendidos hoje têm benzeno – ou seja, você também pode se contaminar usando-os. Mas também pode ir atrás dos fabricantes e pressionar para que eles não o utilizem nos aparelhos.

Falando em números e preços, eliminar o benzeno dos aparelhos aumentaria o preço para o consumidor em menos de um dólar nos eletrônicos. Uma diferença ínfima, ainda mais se considerarmos que, a cada 5 horas, uma pessoa é contaminada – isso de acordo com o governo chinês; especialistas acreditam que seja muito maior essa taxa.

Com informações: youPIX