Notícias Antivírus e Segurança

Hackers que hackeiam sites têm site hackeado

hue

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O grupo hacker OurMine é conhecido por algumas bagunças na internet: eles já invadiram as contas de Mark Zuckerberg nas redes sociais, desfiguraram o site da Wikileaks e até acessaram indevidamente a conta do CEO do Twitter… no Twitter. Mas eles acabam de levar o troco.

Quem tenta acessar o site do OurMine no momento em que escrevo este parágrafo se depara com uma mensagem deixada por um grupo de hackers turcos, identificados por Jonturk75 & RootDevilz & Bozkurt97: “Quando um grupo hacker é hackeado por um outro grupo, o que foi hackeado será lammer para quem o hackeou”.

Como mostra o The Hacker News, que notou primeiro a ironia, o OurMine se autodefine como um grupo de hackers white-hat, que invade sistemas com o objetivo de dar uma lição de segurança para os hackeados e até oferece serviços de consultoria. Pelo visto, eles também precisam de umas aulinhas.

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque