Tesla prepara chips de inteligência artificial visando carros autônomos

Felipe Ventura
Por

A Tesla é conhecida por seus carros (e caminhões) elétricos com o recurso Autopilot, que pode assumir o volante nas estradas e até estacionar automaticamente. Elon Musk acredita que isso abre caminho para veículos autônomos.

Nesta quinta-feira (7), Musk disse em um evento organizado pela Tesla que a empresa está desenvolvendo processadores de inteligência artificial.

Elon Musk

O engenheiro Jim Keller, que já teve altos cargos na AMD e na Apple, é o responsável por esse projeto. “Jim está desenvolvendo hardware especializado de IA que acreditamos ser o melhor do mundo”, disse Musk, segundo a CNBC.

Como lembra o Ars Technica, a primeira versão do Autopilot era baseada em chips fornecidos pela Mobileye (adquirida este ano pela Intel). Ela e a Tesla se desentenderam após um acidente fatal envolvendo o recurso. A fabricante de carros, então, passou a desenvolver o Autopilot com ajuda da Nvidia.

O próximo passo da Tesla, então, é reduzir a dependência de terceiros. Musk acredita que carros totalmente autônomos chegarão ao mercado em “cerca de dois anos”.

E diversas empresas estão apostando nesse mercado, incluindo outras fabricantes de automóveis. A Intel tem parcerias com a Ford, BMW e Fiat Chrysler; enquanto a Nvidia oferece sua plataforma Drive PX para Volvo, Audi, Bosch e outras.

Com informações: Ars Technica.

Felipe Ventura

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. Começou no TB em 2017 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia, e hoje coordena um time de editores-assistentes e a rotina das editorias. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Relacionados

Relacionados