Início / Notícias / Comportamento /

Twitter diz que tweet de Trump sobre botão nuclear não viola regra de comportamento abusivo

Meu botão nuclear é maior que o seu

Paulo Higa

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Na noite desta terça-feira (2), o presidente Donald Trump voltou ao noticiário depois de publicar o seguinte tweet:

https://twitter.com/realDonaldTrump/status/948355557022420992

Em tradução: “O líder norte-coreano Kim Jong-un disse que o ‘botão nuclear está na mesa dele o tempo todo’. Alguém do seu regime abatido e faminto pode avisá-lo que eu também tenho um botão nuclear, mas é muito maior e mais poderoso que o dele, e o meu botão funciona!”

Os usuários da rede social se perguntaram se o tweet, que já ultrapassou os 134 mil retweets e 318 mil curtidas, violaria as regras do Twitter, especialmente a que trata de comportamento abusivo: “não é permitido fazer ameaças específicas de violência nem desejar a um indivíduo ou grupo de pessoas danos físicos graves, morte ou doenças. Isso inclui, mas não está limitado a, ameaçar ou promover terrorismo”.

O tweet de Trump foi reportado pelos usuários, que rapidamente receberam uma resposta automática: segundo a empresa, a mensagem do presidente não viola as regras contra comportamento abusivo na rede social.

Em protesto, os usuários projetaram na madrugada desta quarta-feira (3) uma mensagem na sede do Twitter em San Francisco, no estado da Califórnia, acusando o CEO Jack Dorsey de ser “cúmplice”. O executivo “quebra as regras de sua própria empresa, Twitter, para dar voz a um louco e colocar o mundo em perigo. Jack Dorsey deve renunciar ou banir Donald Trump”, diz a mensagem dos manifestantes.

Ao Mashable, o Twitter confirma que não houve violação dos termos de serviço.

¯\_(ツ)_/¯