Início / Notícias / Gadgets /

Intel desiste de óculos inteligentes que projetam notificações na sua retina

Por

Em fevereiro, a Intel revelou um discreto par de óculos que exibe notificações no seu campo de visão, e usa um laser de potência muito baixa. Ela planejava encontrar parceiros para fabricar e vender o Vaunt, mas parece que não conseguiu.

Segundo o The Information, a Intel está encerrando seu grupo responsável por dispositivos vestíveis, incluindo os óculos Vaunt. Ela confirmou isso em comunicado ao Engadget, culpando a “dinâmica de mercado”.

O Vaunt não faz muita coisa: ele se concentra em exibir informações no canto inferior direito do seu campo de visão. Um laser de potência muito baixa projeta uma imagem vermelha de 400 x 150 pixels, com notificações do iPhone ou Android recebidas via Bluetooth.

Para interagir com os óculos, é necessário fazer gestos sutis com a cabeça. Eles não têm botões nem touchpad. Futuras versões poderiam ganhar um microfone para controle por voz. Mas, infelizmente, o projeto acabou.

A Intel não vem tendo muita sorte com gadgets. Ela cancelou o Project Alloy, headset de realidade virtual que funcionava sem computador ou smartphone; desistiu de wearables para se concentrar em realidade aumentada; e agora cancelou seus óculos inteligentes.

O New Devices Group (NDG), responsável pelo Vaunt, foi encerrado. Trata-se de uma equipe de 200 pessoas, e algumas delas serão demitidas. Este é o comunicado da Intel:

A Intel trabalha continuamente em novas tecnologias e experiências. Nem tudo isso se transforma em um produto que escolhemos lançar no mercado. O projeto Superlight [codinome do Vaunt] é um ótimo exemplo em que a Intel desenvolveu óculos de realidade aumentada verdadeiramente diferenciados para o consumidor. Vamos adotar uma abordagem disciplinada à medida que continuamos inventando e explorando novas tecnologias, que às vezes exigem escolhas difíceis quando a dinâmica do mercado não suporta investimentos adicionais.

Com informações: Engadget.