Waze pede para usuários marcarem postos que têm gasolina em meio à greve

Felipe Ventura
Por

A greve dos caminhoneiros afetou o abastecimento de combustíveis em todo o Brasil. Quem tem um veículo precisa ir de posto em posto para saber se há gasolina, etanol ou diesel disponível no local.

Por isso, segundo o UOL, o Waze disparou uma notificação para 9 milhões de usuários brasileiros pedindo que informem sobre o preço e disponibilidade de combustível nos postos.

“O combustível acabou? Vamos demonstrar o poder da comunidade! Avise em quais postos ainda tem combustível e atualize o preço para ajudar os outros Wazers na área”, diz a empresa no Twitter.

TB RespondeApps mostram os postos com gasolina (e o preço); veja lista

No aplicativo, a mensagem do Waze dá o passo a passo:

  • toque em Alertas (botão laranja no canto inferior direito) e depois em Preços;
  • escolha o posto e insira o preço para cada tipo de combustível;
  • se não houver combustível, desmarque a opção “Disponível”.

No Facebook, o Waze também publicou um vídeo explicando como informar preços de combustível no aplicativo:

No domingo (27), o presidente Michel Temer atendeu algumas das reivindicações dos caminhoneiros, incluindo uma redução temporária no preço do diesel — de R$ 0,46/litro por 60 dias — além de valores mínimos para frete e isenção de pedágio para caminhões vazios.

Ainda assim, os protestos continuam, porque não há uma só liderança. Algumas entidades de caminhoneiros aceitaram a proposta do governo, enquanto outras não tratam a paralisação como encerrada.

Felipe Ventura

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. Começou no TB em 2017 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia, e hoje coordena um time de editores-assistentes e a rotina das editorias. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Relacionados

Relacionados