Xiaomi quebra recorde mundial ao inaugurar 500 lojas de uma vez

As novas unidades da Mi Store fazem parte de uma expansão da Xiaomi na Índia

Victor Hugo Silva
Por

A Xiaomi já é a quarta maior vendedora de celulares no mundo e pretende aumentar sua participação com lojas físicas. Recentemente, a empresa abriu nada menos que 500 unidades da Mi Store na Índia, o que lhe rendeu um recorde mundial.

A inauguração das novas lojas ocorreu em 29 de outubro e fez a marca entrar para o livro do Guinness com o maior número de unidades abertas simultaneamente. Os novos espaços estão distribuídos em 14 dos 29 estados indianos.

Xiaomi inaugura 500 Mi Store na Índia

Em uma rápida comparação, o Android Authority lembra que a Apple possui 198 lojas espalhadas pelos Estados Unidos, o que torna o feito da Xiaomi ainda mais significativo. A companhia chinesa pretende gerar cerca de 15 mil empregos no país com suas novas unidades.

Segundo Manu Kumar Jain, vice-presidente e chefe de operações da Xiaomi na Índia, a marca trabalha em um novo modelo de varejo para a área rural do país. O objetivo é oferecer uma experiência marcante inclusive para consumidores que não estão nas grandes cidades.

Os investimentos da Xiaomi na Índia já estão dando certo. Há cinco trimestres, a companhia é líder de vendas, com 27,3% do mercado interno. A Samsung ocupa o segundo lugar, com 22,6%, e a chinesa Vivo, tem 10,5%.

E as lojas físicas têm sido muito importantes para a fabricante crescer no país. Entre janeiro de 2017 e outubro de 2018, a venda presencial de celulares da marca cresceu 40 vezes. O segmento já representa 20,6% de suas vendas no mercado indiano.

Até o fim de 2019, a Xiaomi pretende chegar a cinco mil lojas físicas na Índia. A expansão poderá ajudar a marca a encurtar a distância para Samsung, Huawei e Apple, que lideram as vendas de celulares em todo o mundo.

Relacionados

Relacionados